Visitantes desde 1º junho 2013

Free counters!

COMUNICADO - Novo Site

Nota de Esclarecimento

Importante:

Memória: em 8 setembro 2007, começamos as atividades deste Blog, sob o título Blog da UNR e nossos objetivos estão bem destacados no nosso primeiro post, título 'início das atividades...' .

De imediato, constatamos que estando a esquerda no governo, uma dificuldade se apresentava: contar os erros, as traições, as covardias, os assassinatos, as falcatruas cometidos pela esquerda durante o Governo Militar OU contar os crimes que a esquerda, a petralhada à frente, continua cometendo nos dias atuais? (apesar de fragorosamente derrotada pelos militares a esquerda aproveitou-se da generosidade dos vencedores e voltou tal qual serpente e conseguiu PERDER A GUERRA e vencer a Batalha da Comunicação, passando de vilão a heroína).

A famigerada esquerda conseguiu o poder - agindo disfarçada de democrata - e passou a mostrar, de forma descarada, ser pior que antes.

Diversos motivos, que não vem ao caso aqui detalhar, tornaram conveniente alterar o nome do Blog da UNR, que passou a denominação de BLOG PRONTIDÃO, mantendo a URL.

Apesar de ser um Blog pequeno, fruto de um trabalho amadorístico, porém de muita dedicação, contando com poucos seguidores, alguns visitantes fiéis, outros eventuais, tivemos a imensa alegria de constatar que incomodávamos a petralhada - o que foi fácil perceber pela necessidade de 'moderar comentários', pelos xingamentos que recebemos a cada postagem, tentativas de invasão (parcialmente exitosas, com modificações de postagens {o mais odioso foram as vezes que conseguiram mudar palavras, trechos de postagens, títulos, e passar a idéia que defendíamos o desgoverno petralha}).

Para tornar mais dificil que os guerrilheiros da informática à serviço do desgoverno - o ministro da Secom, Traumann, foi demitido por admitir publicamente que o desgoverno Dilma, a exemplo do seu antecessor $talinácio Lula, usam a guerrilha virtual - continuassem a nos incomodar, decidimos suspender, temporariamente, a veiculação de POSTs no Blog Prontidão, passando a veicular no Blog PRONTIDÃO TOTAL, usando outra URL.

Claro que alguns leitores não acessaram o Blog Prontidão Total - o que atribuímos a alguma falta de comunicação da nossa parte - porém, de tudo concluímos que podemos e VAMOS PERMANECER firmes e fortes, protegidos da sanha 'assassina' dos guerrilheiros virtuais do desgoverno, contando a verdade, tudo o que soubermos e o nosso amadorismo permitir, do muito de ruim, de nocivo, de pernicioso, que o atual desgoverno pratica, estimula, esconde e apoia.

Voltar ao Blog PRONTIDÃO seria pretender que nossos poucos leitores ficassem pulando de galho em galho - a manutenção da nossa 'linha editorial', que vem desde 2007, é eloquente e fiel aos fatos ao provar que nossos ideais permanecem firmes, estamos apenas mais fortes.

Vamos continuar com a denominação Blog PRONTIDÃO TOTAL, na URL que atualmente atende àquele Blog, mantendo nossa postura de apresentar sempre a VERDADE - verdade que representa os fatos (aliás, não podemos esquecer, verdade e fato são unos)e não a verdade conveniente (tática usada pela esquerda petralha).

Felizmente, temos dois leitores, afinal, escrevemos e vamos continuar escrevendo para dois leitores: "Ninguém" e "Todo Mundo".

Por favor, nos honre com sua visita, clicando aqui: Blog Prontidão Total ou em qualquer link disponível, em azul, neste texto

ou colando em seu navegador: http://brasil-ameoudeixe.blogspot.com.br/

ou Blog Prontidão Total

BRASIL! ACIMA DE TUDO

IMPOSTÔMETRO

Ad Sense

terça-feira, 31 de julho de 2012

MÁFIA PETISTA tenta comprometer ministro Gilmar Mendes e a revista VEJA - mas seus componentes são tão estúpidos que até nas datas se perdem

Dois dias depois de tentar atingir ministro do Supremo, máfia resolve atacar a VEJA. Quem será o próximo? O procurador-geral da República?
Faz dois dias, veio a público aquilo que deveria ser uma “bomba” contra Gilmar Mendes: uma suposta lista de gente que teria recebido propina de Marcos Valério. A estrovenga teria sido elaborada em março de 1999 e, pasmem!, assinada por Marcos Valério. Vale dizer: o empresário não só admitiria o crime — no caso, corrupção ativa — como ainda assinaria embaixo. Gilmar aparece ali, em março de 1999, como titular da AGU. Ele só foi indicado para o cargo em janeiro do ano seguinte. Na lista, também está o agora senador Delcídio Amaral (MS), um petista. Mas não um petista qualquer: foi presidente da CPMI dos Correios, que apurou uma boa parte da lambança dos mensaleiros. Em 1999, ele nem havia se candidatado ainda a cargo eletivo. Por que alguém se interessaria em, digamos, comprá-lo? Isso fala sobre a seriedade da lista. A “bomba” falhou. Armada por ineptos. [o 'doutor' Ignorantácio Lula da Silva é um poço de ignorância, mas convenhamos, apesar de incapaz de somar 2 + 2 foi extremamente feliz quando definiu os seus sequazes petistas com o adjetivo ALOPRADOS.
Será que foi ele que pensou neste qualificativo ou alguém soprou?] 

O artefato explosivo desta segunda envolve Andressa, a mulher de Carlinhos Cachoeira, e o juiz federal Alderico Rocha Santos. A história que veio a público, se verdadeira fosse, atingiria em cheio a imagem da VEJA e do jornalista Policarpo Júnior. Mas se trata, evidentemente, de uma armação estúpida

Texto completo, clique aqui


Não é tema do Blog, mas postamos, por provar que até o horrível, pode piorar, mas o pior é nós é quem pagamos a conta, via cartão corporativo


  ‘Vanity Fair’ diz que Dilma fez lifting e colocou botox
Reportagem da revista americana fala sobre líderes que mudaram o visual
A presidente Dilma Rousseff foi uma das personalidades políticas citadas na reportagem da revista americana “Vanity Fair” que fizeram intervenções estéticas nos últimos anos para melhorar a aparência.

               
Montagem feita pela revista mostra a evolução no visual de Dilma Vanity Fair



A reportagem fala que a presidente fez lifiting facial, colocou botox, começou a usar cosméticos e um penteado “mais moderno”, além de ter feito tratamento dentário. A avaliação foi feita com auxílio do cirurgião-plástico David Hidalgo. As mudanças no visual deixaram Dilma com um visual mais sereno, segundo a revista. [infelizmente não tivemos acesso as fotos que foram utilizadas pela revista na avaliação que concluiu que as mudanças deixaram a presidente com um visual mais sereno.]

  
Já que o POST é sobre beleza, republicamos a foto: AS GRACIOSAS

A reportagem citou também mudanças no visual do presidente da Rússia, Vladimir Putin; o ex-primeiro-ministro da Itália, Silvio Berlusconi; o presidente do Chile, Sebastián Piñera; o ex-ditador da Líbia, Muammar Kadhafi; a presidente da Argentina, Cristina Fernández de Kirchner; e o líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un.

Partido que abriga bandidos tem que ser punido na hora das eleições - o PT optou por se beneficiar do MENSALÃO - PT e agora colhe o ônus

Princípio da igualdade na disputa eleitoral motiva pedido de adiamento do Mensalão
Os jogos olímpicos empolgam. É muito prazeroso o acompanhamento das variadas disputas e emocionam as cerimônias de premiação aos vencedores.
O controle de “dopagem” nos atletas olímpicos é rigoroso. Todos sabem que o doping quebra o princípio ético da igualdade entre os competidores. No mundo da política partidária e especificamente nas eleições para escolha dos representantes do povo, o abuso do poder econômico, como o apelidado Caixa 2, pode desequilibrar uma disputa eleitoral.

Com efeito, paira no ar, ainda que de forma tênue, uma dúvida sobre o início do processo criminal apelidado Mensalão, marcado para quinta-feira próxima. Melhor colocando: o julgamento do Mensalão será ou não adiado para depois das eleições administrativas municipais? [a pauta do STF não pode ser comandada pelos interesses menores de um partido que tem se destacado pela incomPeTência administrativa e por malfeitos dos seus integrantes.]

A dúvida decorre do apelo formal feito por advogados ligados ao Partido dos Trabalhadores (PT) à ministra Cármen Lúcia.

Texto completo, clique aqui

Discretamente ministra chama de ‘aloprados incomPeTentes’ advogados do PT autores de petição bizarra tentando adiar o julgamento do MENSALÃO – PT

TSE arquiva petição em que petistas pedem que Justiça Eleitoral aja para adiar mensalão no STF
A ministra Cármen Lúcia, presidente do TSE, mandou ao arquivo a petição que lhe foi encaminhada por advogados petistas na semana passada. Na peça, os doutores pediam à corte eleitoral que intercedesse junto ao STF para adiar o julgamento do processo do mensalão.

Cármen Lúcia, que também é ministra do Supremo, não enxergou nexo no pedido. Em seu despacho, ela disse o óbvio: não é atribuição do TSE interferir em decisões tomadas pelo STF. A ministra como que enquadrou os peticionários, chamando-os “primários”.  

Texto completo, clique aqui


Ao MP, afora raras exceções, interessa mais que os viciados tenham locais onde curtam seu vício; que os bandidos nunca morram quando enfrentam a polícia

 A Indiferença do MP ao Genocídio dos Brasileiros
Desde a suposta redemocratização do Brasil em 1985, foram assassinados 2 milhões de brasileiros, por falta de política – decisão do que fazer – de combate ao crime, competência dos Governos Estaduais e, subsidiária do Governo Federal. Sem a política, não se estabelecem estratégias e o combate ao crime se restringe ao nível tático. As polícias limitam-se a combater criminosos, pontualmente e, consequentemente, o crime prevalece e se organiza, com a participação de agentes públicos.

A esterilização do exercício da cidadania, pelo controle social, forma sutil de ditadura, inviabiliza a consecução dos objetivos nacionais permanentes, comprometendo o futuro da nação e do país e propiciando o morticínio de inocentes.

O Ministério Público, a instituição que deveria exigir do Poder Executivo 


Texto completo, clique aqui


Uma cartilha gay, na qual ter o nome nela incluído, é motivo de orgulho para os BRASILEIROS que prezam a FAMÍLIA, a MORAL e os BONS COSTUMES

Uma cartilha que avalia candidatos e partidos políticos pelos homossexuais foi elaborada e divulgada na internet.

Batizado "Cartilha LGBT para as Eleições 2012/2014", o material é assinado por membros da LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Transexuais e Transgêneros) Brasil. O material está sendo divulgado pelo Facebook e Orkut.

Segundo a cartilha, candidatos do PR não devem receber votos dos homossexuais,  . . .

Texto completo, clique aqui


Faltou 'peito' à Oposição para incluir o nome do filho do Lula, o Lulinha da GAMECORPS, e desmontar a farsa da família Silva

Omissão do nome de Lulinha na CPI dos Correios e blindagem ao sigilo da Gamecorp salvaram Lula de ser denunciado no rol dos mensaleiros

É sintomática da permanente onda de impunidade tupiniquim a pouca repercussão midiática da gravíssima e tardia revelação de que a CPI dos Correios recebeu pressão política e suprimiu, em seu texto final, qualquer menção ao filho de Luiz Inácio Lula da Silva. Eram públicas as ligações privadas dele com uma grande empresa de telefonia que tinha recebido aportes do BNDES e que tinha dois fundos de pensão investigados entre seus acionistas. Mas a omissão proposital no relatório final da CPI tinha o objetivo tático de blindar Lula de uma eventual denúncia no escândalo do mensalão.

A aliviada de barra para Lulinha, na ação de bastidores que evitou qualquer investigação sobre os recursos financeiros da família Silva, foi fundamental para que o Papai e Chefão Lula tivesse seu santo nome providencial e milagrosamente excluído dos réus do mensalão.  

Texto completo, clique aqui


Logo o MP moverá ação contra o governo por prender bandidos = privar alguém da liberdade é uma severa violação dos ‘direitos humanos’

MP pede indenização de R$ 40 milhões por operação na Cracolândia de SP
O Ministério Público de São Paulo (MP-SP) deu entrada nesta terça-feira (12/6) com uma ação civil pública para pedir indenização mínima de R$ 40 milhões ao governo paulista por danos morais individuais e coletivos em razão de supostas violações de direitos humanos na operação de retirada de dependentes químicos da Cracolândia, como ficou conhecido o entorno da Estação da Luz, na região central da cidade.  O MP acusa o estado de ter cometido grave ofensa ao princípio da dignidade humana e causado prejuízos às políticas públicas municipais de saúde e assistência social. “A operação foi um fracasso de fio a pavio. Começou de um modo desastrado pela sua desarticulação e desenvolveu-se de modo violento”, disse o promotor Mauricio Ribeiro Lopes, um dos quatro autores da ação.

Na ação, o MP também pede a concessão de liminar para proibir a Polícia Militar (PM) de empregar ações contra usuários de drogas que “ensejem situação vexatória, degradante ou desrespeitosa".  


Texto completo, clique aqui

Liberado o consumo de ‘crack’ na região central de São Paulo, conhecida como ‘cracolândia’ – decisão judicial atende pedido do Ministério Público de São Paulo

Justiça proíbe PM de expulsar usuários da cracolândia

Restrição foi determinada por liminar obtida nesta terça, 31, pelo Ministério Público de São Paulo, que havia entrado com uma ação civil pública contra a operação da PM em junho

A Polícia Militar está proibida pela Justiça de impedir usuários de drogas da cracolândia de circularem ou permanecerem nas ruas da região, na Luz, centro da capital paulista. A restrição foi determinada por uma liminar obtida nesta terça-feira, 31, pelo Ministério Público de São Paulo, que havia entrado com uma ação civil pública contra a operação da PM no dia 12 de junho. A ação policial, com amplo efetivo, teve início em janeiro deste ano.

Texto completo, clique aqui



Declaração de ministro não tem valor e caminhoneiros decidem continuar na Dutra

Grevistas decidem permanecer com caminhões estacionados na Dutra

Ministro dos Transportes afirmou que só vai negociar após liberação de estradas; greve de caminhoneiros já dura três dias

A declaração do ministro não tem nenhum valor; é só os caminhoneiros se manterem firmes por no máximo umas 24 horas e o ministro cai de quatro 

[os caminhoneiros podem e devem permanecer firmes e para serem exitosos basta NÃO FAZER NADA.] 
[ATUALIZAÇÃO: o governo federal recua e adia a fiscalização da nova lei por trinta dias, o que na prática invalida a lei por trinta dias e é um indicativo de que a LEI NÃO VAI PEGAR, por absoluta falta de condições para ser cumprida.
Tem quem que fornecer tais condições é o governo e nisso os ALOPRADOS PETISTAS não pensaram e SIFU ...]
A maioria dos caminhoneiros que estão ocupando trechos da Rodovia Presidente Dutra (BR-116) desde a tarde do último domingo decidiu continuar na estrada por tempo indeterminado. O discurso do governo federal de que só negocia com os grevistas quando os veículos deixarem a via que liga o Rio de Janeiro a São Paulo não comoveu o movimento. Um dos líderes da paralisação, Odimar Meirelles, que havia declarado a possibilidade de a via ser totalmente liberada ainda nesta terça-feira, voltou atrás e afirmou nesta tarde que não haverá acordo nas próximas horas. — O que eles decidirem eu vou fazer. Estamos esperando o resultado oficial da reunião de Brasília. Hoje (terça-feira) ninguém sai. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) não tem estrutura para garantir a segurança dos caminhoneiros que quiserem seguir viagem. Temos que nos estruturar para quem quiser poder ir embora com segurança - afirmou o líder do Sindicato dos Transportadores Autônomos de Carga (Sinditac) do Sul Fluminense, do alto de um caminhão.
A informação sobre o discurso do governo - que quer que a categoria coloque um ponto final nas paralisações que realiza nas estradas do país desde 25 de julho - foi dada pelo presidente da Confederação Nacional dos Transportadores Autônomos (CNTA), Diumar Bueno, que participou no início da tarde desta terça-feira de reunião com o ministro dos Transportes, Paulo Sérgio Passos, para discutir o movimento. — Tivemos o posicionamento de que o governo não vai negociar com a categoria parada. Ele disse que é preciso desobstruir as rodovias para conversar - afirmou Diumar Bueno.

 

Matador de aluguel; matéria sempre útil em tempos de julgamento do MENSALÃO - PT e por trazer à tona a morte de Celso Daniel

Jhonatan de Sousa Silva. Profissão: assassino. Tem 49 mortes nas costas, não se arrepende de nada e reza toda noite 

Jhonatan de Sousa Silva

Profissão: assassino
Quando matar uma pessoa é uma atividade econômica como outra qualquer. Este homem, de apenas 24 anos, já fez isso quase cinquenta vezes

Às 22h30 de 23 de abril deste ano, o jornalista maranhense Décio Sá foi morto com cinco tiros, enquanto jantava em um restaurante da movimentada Avenida Litorânea, em São Luís. O assassino não disse uma única palavra antes de atirar. Com frieza incomum, entrou no restaurante, aproximou-se e disparou três vezes em direção à cabeça do jornalista. Depois, mais duas vezes em seu tórax, quando ele já estava no chão, provavelmente sem vida. Tudo aconteceu em menos de vinte segundos. Sem esconder o rosto, o homem caminhou tranquilamente rumo à saída, sentou na garupa de uma moto que o aguardava do lado de fora e se foi.


FRIEZA E CRUELDADE -- Jhonatan de Sousa Silva, pai de dois filhos, religioso e pistoleiro de aluguel, diz que não tem remorso nem prazer em matar: "Não sinto absolutamente nada. É só um trabalho" (Foto: Roberto Jayme / Photonews)
(Reportagem de Gustavo Ribeiro, publicada na edição impressa de VEJA)

O assassino, Jhonatan de Sousa Silva, 24 anos, já teve dezenas de noites como aquela. Matador profissional, começou nesse ramo ainda na adolescência e já acumula 49 mortes no currículo, pelo cálculo da polícia. Não se arrepende de nenhuma delas. “Ninguém morre de graça”, justifica. Descrito pelas autoridades do Estado como um predador frio, um verdadeiro psicopata, Jhonatan não sente remorso nem prazer em matar. Para ele, é um trabalho como outro qualquer. O jovem de 24 anos já matou traficantes, brigões de bar, agiotas, sem-terra, mulheres e pelo menos uma criança.

Texto completo, clique aqui



Via Dutra é bloqueada pelo terceiro dia seguido; essa Dilma vai ceder, já perdeu e perdendo ela aprende que seu poder, além de ter limites, é pouco

Caminhoneiros bloqueiam a Dutra pelo terceiro dia seguido

Grevistas ameaçam com pedras e pedaços de pau os profissionais que tentam furar a manifestação
O clima é de tensão no protesto dos caminhoneiros que, pelo terceiro dia consecutivo, bloqueiam a Rodovia Presidente Dutra. Nesta terça-feira, apenas uma faixa em cada sentido da via está liberada ao tráfego de carros e ônibus, na altura de Barra Mansa, Porto Real, Resende e na Serra das Araras. Os manifestantes estão usando pedras e pedaços de pau para intimidar os profissionais que tentam furar a greve. Equipes de reportagem que cobrem a manifestação também estão sendo alvos de ameaça. No início da manhã desta terça, jornalistas do GLOBO foram obrigados a recuar, após um piqueteiro ameaçar quebrar o equipamento do fotógrafo, caso ele insistisse em fazer imagens no local. Há poucos policiais neste trecho da Dutra e alguns caminhoneiros alegam que precisam passar, pois transportam cargas perecíveis.
O congestionamento na rodovia chega a 21 quilômetros, no sentido Rio, e a 14 quilômetros, para segue rumo a São Paulo. Segundo a Policia Rodoviária Federal (PRF), poucos carros estão passando pelos bloqueio.

Texto completo, clique aqui


Ministro Toffoli, será que sua convivência duradoura com os petistas afetou seus conceitos do que é o juridicamente correto, o moralmente correto e o eticamente correto? O Brasil espera que não. SE DECLARE IMPEDIDO

O ministro Dias Toffoli não pode participar do julgamento do mensalão.                               Se ele próprio não se declarar impedido, o procurador-geral da República tem obrigação de pedir seu afastamento aos demais ministros

Aproxima-se o começo do julgamento do mensalão – nesta quinta-feira – e está tudo pronto no Supremo Tribunal Federal: o ministro relator, Joaquim Barbosa, tem pronto seu relatório, o ministro revisor, Ricardo Lewandowski, aprontou suas considerações, os demais ministros já estudaram o colossal processo de milhares de páginas e mais de 700 testemunhas ouvidas suficientemente para poderem expedir seu voto.

Só falta resolver uma questão importante: o ministro Dias Toffoli vai se declarar impedido de participar do julgamento?

Não é questão pequena, não, amigos, como sabem. O ministro foi assessor jurídico do PT partido cuja direção à época dos fatos está metaforicamente no banco dos reus. E isso durante quinze anos! Foi também assessor na Casa Civil de um dos réus, José Dirceu, e sócio de um escritório de advocacia que defendeu três mensaleiros. Mais: sua própria companheira, a advogada Roberta Rangel, foi, ela própria, advogada de dois dos acusados.
Nem vou me deter no fato de que Toffoli também exerceu o cargo de advogado-geral da União no governo do chefe de Dirceu – o então presidente Lula – e que foi este que o designou para o Supremo, porque esses fatores, por si, não desqualificam um magistrado de um tribunal superior para atuar numa causa em que estão envolvidos ex-integrantes e ex-apoiadores do governo.

Mas, e o resto?  

Texto completo, clique aqui


segunda-feira, 30 de julho de 2012

Irresponsabilidade, incomPeTência e ineficiência, tanto na fiscalização federal quanto na estadual

Sem portas e com a pista livre

Parece cena de filme, mas aconteceu ontem no Rio de Janeiro, cidade famosa pelas rigorosas blitzes de trânsito. Um carro sem as duas portas circulou pelo Centro do Rio e atravessou a Ponte Rio-Niterói sem ser parado por qualquer autoridade de trânsito.  O gol cinza modelo 1984, cujo licenciamento venceu há nove anos, foi flagrado por volta das 14h na Avenida Francisco Bicalho, na altura do IML, sentido Centro do Rio. Mas a ousadia ultrapassou os limites da cidade. Minutos depois, acredite, o carro, que tem placa de São Gonçalo, deu a volta e subiu a Ponte Rio-Niterói, sentido Niterói.

Apesar de circular sem as portas e com o licenciamento vencido, o carro não foi parado por nenhuma equipe da Guarda Municipal, da Polícia Militar ou da Polícia Rodoviária Federal. O motorista também não usava o cinto de segurança. Segundo o tenente-coronel da reserva da PM Milton Corrêa da Costa, que há mais de 18 anos preside uma Junta Administrativa de Recursos de Infrações (Jari), que julga motoristas infratores, o condutor deste veículo comete de uma só vez, ao menos, três infrações: conduzir sem equipamento obrigatório, oferecer risco à segurança do trânsito e dirigir sem licenciamento obrigatório.

Segundo Corrêa da Costa, "qualquer agente de fiscalização de trânsito" teria a obrigação de apreender o veículo imediatamente e registrar as infrações ou, caso não fosse possível parar o veículo, teria a obrigação de comunicar o fato, passando informações do Gol aos órgãos competentes, o que facilitaria sua apreensão. O tenente-coronel da reserva ficou surpreso ao saber que o Gol sem as duas portas trafegou pela Ponte Rio-Niterói.  - Ao entrar na Ponte Rio-Niterói, ele passou para a competência da Polícia Rodoviária Federal, que tem uma cabine na ponte. Eles deveriam ter comunicado esse fato e apreendido esse veículo - comenta.

Quando o motorista é flagrado na Ponte, ele tem a companhia de um homem, sentado no banco do carona. Para o estudioso das leis de trânsito, isso agrava a situação. - Ele está expondo o passageiro a dano pontencial. Isso é crime - afirma Costa.

Além da cabine da PRF, após a Praça do Pedágio, na Ponte Rio-Niterói, há uma da PM no início da via federal, na altura do Gasômetro, sentido Niterói.

Fonte: Ancelmo.com
 

Vale tudo para adiar o julgamento do MENSALÃO - PT; afinal, será o Partido dos Traidores que estará em julgamento

Advogados do mensalão querem acessar nova peça de acusação de Gurgel

Os advogados e ex-ministros da Justiça Márcio Thomaz Bastos e José Carlos Dias protocolaram documento no STF (Supremo Tribunal Federal) pedindo vista sobre autos do processo do mensalão. Eles defendem diretores do Banco Rural e assinam a petição com outros dois advogados da instituição. Os dois alegam que precisam analisar a nova documentação entregue na semana passada pelo procurador-geral da República, Roberto Gurgel, ao STF.   

Nela, Gurgel afirma que o mensalão foi o maior caso de corrupção da história do país.
O procurador fez um resumo da acusação, relembrou detalhes e elencou documentos relativos a cada réu como perícias, depoimentos e interrogatórios. Thomaz Bastos e Dias afirmam que a defesa tem o direito à última palavra no caso, tanto verbal quanto escrita. E que, portanto, precisam ter conhecimento do que diz o procurador em sua peça para poder apresentar o contraditório. 

O documento foi encaminhado ao ministro Joaquim Barbosa, que vai decidir se eles podem ter acesso aos autos. Caso o pedido seja negado, os defensores ainda podem recorrer ao plenário do Supremo na volta do recesso, na quarta-feira (1º). Se o colegiado atender ao pedido, o início do julgamento pode ser adiado. Os advogados, porém, negam que a intenção seja o adiamento. O memorial elaborado por Gurgel foi entregue na última semana aos 11 integrantes do Supremo e, segundo o procurador-geral, visa facilitar o trabalho dos ministros. O julgamento está marcado para começar na próxima quinta-feira (2) e deve durar pelo menos um mês. 


Fonte: Folha de São Paulo

Comissão da Verdade decide deixar os vivos de lado e cuidar das ossadas – talvez tenham muito a declarar


Comissão da Verdade cobra do governo explicação sobre ossadas

Cláudio Fonteles diz que colegiado quer saber andamento das investigações

A comissão da Verdade fez nesta segunda-feira sua primeira audiência pública, com a participação dos comitês estaduais de memória e verdade, representados por ex-perseguidos políticos e familiares de desaparecidos políticos

Durante o encontro, o ex-procurador da República Cláudio Fonteles, integrante da Comissão, criticou a afirmação dos militares de que não há documentos sobre o período da ditadura em seus arquivos [o senhor Cláudio Fonteles sabe que cabe à ‘comissão da verdade’ provar que existem tais documentos – causa estranheza que um ex-procurador da República, que se supõe detenha notório saber jurídico,  faça críticas levianas.]. 

Ele também disse que a comissão quer explicações do Ministério da Justiça sobre o andamento dos trabalhos de investigação das ossadas que estão em poder da Polícia Federal. [mais uma prova da parcialidade da ‘imparcial’ ‘comissão da verdade’: realiza sua primeira audiência pública e dela só participam indivíduos que se autodeclaram ex-perseguidos políticos e familiares dos ‘desaparecidos’ políticos.
Resta óbvio que neste audiência/encontro de ‘comadres’, só os militares serão acusados e todos os desaparecidos, perseguidos, traidores e toda a corja são santos, verdadeiros anjos.]

 Rosa Maria Cardoso, Gilson Dipp, Maria Rita Kehl e Cláudio Fontelles participam de reunião da Comissão da Verdade com representantes dos estados André Coelho / Agência O Globo – a visão da foto deixa duas certezas no que se refere aos dignos membros da CV:
- estão ganhando mole, mole um bom dinheiro; e,
- estão desorientados

Segundo Fonteles, a comissão enviou ofícios tanto para a Defesa quanto para a Justiça, cobrando essas informações. - Não é legal o ministério da Defesa informar que foi legal a destruição de documentos – disse Fonteles, referindo-se a resposta oficial que a pasta transmitiu há anos atrás, ainda na gestão de Nelson Jobim, sobre a presença de documentos daquele período nos arquivos militares. - Sobre as ossadas, queremos saber da Polícia Federal em que pé estão essas investigações, quantas são, por que está lento o trabalho, e se precisam de ajuda – disse Fonteles. [caso tenham existido ossadas, pelo tempo transcorrido,  qualquer ajuda agora é inútil, já que nem cães nem equipamentos podem identificar o que já virou pó.]

Durante a audiência publica representantes dos comitês relataram diversos casos de pessoas desaparecidas em seus estados e entregaram documentos para que a comissão da verdade investigue o paradeiro dessas pessoas.

Fonte: G 1

Pesquisa personalizada