Visitantes desde 1º junho 2013

Free counters!

Blog Prontidão Total

Blog Prontidão Total

Este espaço é primeiramente dedicado a DEUS, a PÁTRIA, a FAMÍLIA e a LIBERDADE.

Vamos contar VERDADES e impedir que a esquerda, pela repetição exaustiva de uma mentira, transforme mentiras em VERDADES.

Escrevemos para dois leitores: “Ninguém” e “Todo Mundo” * BRASIL Acima de todos! DEUS Acima de tudo!

NOS VISITE!!! ENTRAR!!! CONTINUAR>>>


COMUNICADO - Novo Site

Nota de Esclarecimento

Importante:

Memória: em 8 setembro 2007, começamos as atividades deste Blog, sob o título Blog da UNR e nossos objetivos estão bem destacados no nosso primeiro post, título 'início das atividades...' .

De imediato, constatamos que estando a esquerda no governo, uma dificuldade se apresentava: contar os erros, as traições, as covardias, os assassinatos, as falcatruas cometidos pela esquerda durante o Governo Militar OU contar os crimes que a esquerda, a petralhada à frente, continua cometendo nos dias atuais? (apesar de fragorosamente derrotada pelos militares a esquerda aproveitou-se da generosidade dos vencedores e voltou tal qual serpente e conseguiu PERDER A GUERRA e vencer a Batalha da Comunicação, passando de vilão a heroína).

A famigerada esquerda conseguiu o poder - agindo disfarçada de democrata - e passou a mostrar, de forma descarada, ser pior que antes.

Diversos motivos, que não vem ao caso aqui detalhar, tornaram conveniente alterar o nome do Blog da UNR, que passou a denominação de BLOG PRONTIDÃO, mantendo a URL.

Apesar de ser um Blog pequeno, fruto de um trabalho amadorístico, porém de muita dedicação, contando com poucos seguidores, alguns visitantes fiéis, outros eventuais, tivemos a imensa alegria de constatar que incomodávamos a petralhada - o que foi fácil perceber pela necessidade de 'moderar comentários', pelos xingamentos que recebemos a cada postagem, tentativas de invasão (parcialmente exitosas, com modificações de postagens {o mais odioso foram as vezes que conseguiram mudar palavras, trechos de postagens, títulos, e passar a idéia que defendíamos o desgoverno petralha}).

Para tornar mais dificil que os guerrilheiros da informática à serviço do desgoverno - o ministro da Secom, Traumann, foi demitido por admitir publicamente que o desgoverno Dilma, a exemplo do seu antecessor $talinácio Lula, usam a guerrilha virtual - continuassem a nos incomodar, decidimos suspender, temporariamente, a veiculação de POSTs no Blog Prontidão, passando a veicular no Blog PRONTIDÃO TOTAL, usando outra URL.

Claro que alguns leitores não acessaram o Blog Prontidão Total - o que atribuímos a alguma falta de comunicação da nossa parte - porém, de tudo concluímos que podemos e VAMOS PERMANECER firmes e fortes, protegidos da sanha 'assassina' dos guerrilheiros virtuais do desgoverno, contando a verdade, tudo o que soubermos e o nosso amadorismo permitir, do muito de ruim, de nocivo, de pernicioso, que o atual desgoverno pratica, estimula, esconde e apoia.

Voltar ao Blog PRONTIDÃO seria pretender que nossos poucos leitores ficassem pulando de galho em galho - a manutenção da nossa 'linha editorial', que vem desde 2007, é eloquente e fiel aos fatos ao provar que nossos ideais permanecem firmes, estamos apenas mais fortes.

Vamos continuar com a denominação Blog PRONTIDÃO TOTAL, na URL que atualmente atende àquele Blog, mantendo nossa postura de apresentar sempre a VERDADE - verdade que representa os fatos (aliás, não podemos esquecer, verdade e fato são unos)e não a verdade conveniente (tática usada pela esquerda petralha).

Felizmente, temos dois leitores, afinal, escrevemos e vamos continuar escrevendo para dois leitores: "Ninguém" e "Todo Mundo".

Por favor, nos honre com sua visita, clicando aqui: Blog Prontidão Total ou em qualquer link disponível, em azul, neste texto

ou colando em seu navegador: http://brasil-ameoudeixe.blogspot.com.br/

ou Blog Prontidão Total

BRASIL! ACIMA DE TUDO

IMPOSTÔMETRO

Ad Sense

terça-feira, 14 de janeiro de 2014

A droga que alimenta o crime



O Brasil é o lugar onde mais se mata no mundo. Em 2010, houve 52.303 assassinatos, segundo o Datasus, 3,5 vezes mais que o total de casos nos Estados Unidos.

 Proporcionalmente, 26 brasileiros são assassinados por ano, para cada 1 chinês. No trânsito, também somos recordistas mundiais de mortes. Os dados assustadores ocorrem por grande omissão na prevenção da violência, que começa no Executivo, passa pelo Legislativo e deságua na sobrecarga que o Poder Judiciário tem para enfrentar o problema. Muito além de questões sociais, há um tripé que alimenta a maior parte da violência no país: drogas, legislação frouxa e sistema prisional em ruínas. Vivemos uma epidemia do crack, a maior causa de morte entre jovens de 15 e 25 anos. Mais da metade dos homicídios, no Brasil, tem as drogas como causa.

São provocados pelo transtorno mental, descontrole que leva à violência, seja do tráfico, seja dos homicídios em casa, latrocínios etc, além do aumento da violência doméstica, desencadeada pelas drogas lícitas e ilícitas. Essas, não detectadas pelo bafômetro, já têm importância maior que o álcool nos acidentes fatais com veículos. A maioria dos crimes é de reincidentes. A sensação de impunidade não acontece só nos casos de corrupção, atravessa todas as modalidades. As penas são pequenas e, em pouco tempo, os criminosos voltam às ruas. Presídios precários e em número aquém das necessidades também justificam o abrandamento de penas.

Mais: criou-se um discurso de demonização da polícia. Um ciclo vicioso fatal que leva a investir cada vez menos na polícia e no sistema prisional, aumentando o número de vítimas. As experiências do mundo mostram que, durante a epidemia de violência, deve-se aumentar o rigor no seu enfrentamento, e não o contrário.

Também é imprescindível o resgate e fortalecimento da função policial, qualificando-a e protegendo-a das tentativas de desmoralização. Os EUA tomaram medidas duras na epidemia do crack na década de 1980. Com a Tolerância Zero, foram reduzidos em 70% o consumo e em 40% os homicídios.

Com leis rigorosas, o Japão controlou a epidemia de consumo da metanfetamina no Pós-Guerra. A China e os países do Leste asiático têm índices baixíssimos de criminalidade e consumo de drogas, mercê de severos códigos penais e sistema prisional compatível. A Suécia, depois do endurecimento penal de 1969 contra as drogas, é o país europeu com menos homicídios e menos mortes no trânsito. Em novembro de 2013, fechou seis presídios, por ociosidade.

Todo ser humano, potencialmente capaz de cometer um crime, calcula o custo-benefício disso. Se o custo for pequeno, ocorrerão cada vez mais crimes. No Brasil, ainda influenciam muito nas políticas de segurança os que insistem em discursos ideológicos, aparentemente “humanitários”, colocando a culpa nos problemas sociais. Cruzam os braços e não enfrentam as causas imediatas da violência. Chegam ao resultado oposto do que pregam, pela inação, e se tornam, de certa forma, cúmplices da enorme mortalidade violenta de brasileiros.

Por: Osmar Terra é deputado federal (PMDB-RS).

Nenhum comentário:

Pesquisa personalizada