Visitantes desde 1º junho 2013

Free counters!

Blog Prontidão Total

Blog Prontidão Total

Este espaço é primeiramente dedicado a DEUS, a PÁTRIA, a FAMÍLIA e a LIBERDADE.

Vamos contar VERDADES e impedir que a esquerda, pela repetição exaustiva de uma mentira, transforme mentiras em VERDADES.

Escrevemos para dois leitores: “Ninguém” e “Todo Mundo” * BRASIL Acima de todos! DEUS Acima de tudo!

NOS VISITE!!! ENTRAR!!! CONTINUAR>>>


COMUNICADO - Novo Site

Nota de Esclarecimento

Importante:

Memória: em 8 setembro 2007, começamos as atividades deste Blog, sob o título Blog da UNR e nossos objetivos estão bem destacados no nosso primeiro post, título 'início das atividades...' .

De imediato, constatamos que estando a esquerda no governo, uma dificuldade se apresentava: contar os erros, as traições, as covardias, os assassinatos, as falcatruas cometidos pela esquerda durante o Governo Militar OU contar os crimes que a esquerda, a petralhada à frente, continua cometendo nos dias atuais? (apesar de fragorosamente derrotada pelos militares a esquerda aproveitou-se da generosidade dos vencedores e voltou tal qual serpente e conseguiu PERDER A GUERRA e vencer a Batalha da Comunicação, passando de vilão a heroína).

A famigerada esquerda conseguiu o poder - agindo disfarçada de democrata - e passou a mostrar, de forma descarada, ser pior que antes.

Diversos motivos, que não vem ao caso aqui detalhar, tornaram conveniente alterar o nome do Blog da UNR, que passou a denominação de BLOG PRONTIDÃO, mantendo a URL.

Apesar de ser um Blog pequeno, fruto de um trabalho amadorístico, porém de muita dedicação, contando com poucos seguidores, alguns visitantes fiéis, outros eventuais, tivemos a imensa alegria de constatar que incomodávamos a petralhada - o que foi fácil perceber pela necessidade de 'moderar comentários', pelos xingamentos que recebemos a cada postagem, tentativas de invasão (parcialmente exitosas, com modificações de postagens {o mais odioso foram as vezes que conseguiram mudar palavras, trechos de postagens, títulos, e passar a idéia que defendíamos o desgoverno petralha}).

Para tornar mais dificil que os guerrilheiros da informática à serviço do desgoverno - o ministro da Secom, Traumann, foi demitido por admitir publicamente que o desgoverno Dilma, a exemplo do seu antecessor $talinácio Lula, usam a guerrilha virtual - continuassem a nos incomodar, decidimos suspender, temporariamente, a veiculação de POSTs no Blog Prontidão, passando a veicular no Blog PRONTIDÃO TOTAL, usando outra URL.

Claro que alguns leitores não acessaram o Blog Prontidão Total - o que atribuímos a alguma falta de comunicação da nossa parte - porém, de tudo concluímos que podemos e VAMOS PERMANECER firmes e fortes, protegidos da sanha 'assassina' dos guerrilheiros virtuais do desgoverno, contando a verdade, tudo o que soubermos e o nosso amadorismo permitir, do muito de ruim, de nocivo, de pernicioso, que o atual desgoverno pratica, estimula, esconde e apoia.

Voltar ao Blog PRONTIDÃO seria pretender que nossos poucos leitores ficassem pulando de galho em galho - a manutenção da nossa 'linha editorial', que vem desde 2007, é eloquente e fiel aos fatos ao provar que nossos ideais permanecem firmes, estamos apenas mais fortes.

Vamos continuar com a denominação Blog PRONTIDÃO TOTAL, na URL que atualmente atende àquele Blog, mantendo nossa postura de apresentar sempre a VERDADE - verdade que representa os fatos (aliás, não podemos esquecer, verdade e fato são unos)e não a verdade conveniente (tática usada pela esquerda petralha).

Felizmente, temos dois leitores, afinal, escrevemos e vamos continuar escrevendo para dois leitores: "Ninguém" e "Todo Mundo".

Por favor, nos honre com sua visita, clicando aqui: Blog Prontidão Total ou em qualquer link disponível, em azul, neste texto

ou colando em seu navegador: http://brasil-ameoudeixe.blogspot.com.br/

ou Blog Prontidão Total

BRASIL! ACIMA DE TUDO

IMPOSTÔMETRO

Ad Sense

quinta-feira, 23 de janeiro de 2014

Há 50 anos, Nelson Rodrigues constatou que os idiotas estavam por toda parte. Maria do Rosário confirma que já são amplamente majoritários no ministério de Dilma Rousseff



Em maio de 2013, milhares de fregueses do Bolsa Família chegaram esbaforidos às agências da Caixa Econômica Federal para retirar a mesada antes do prazo combinado. Tão logo soube da correria, a ministra dos Direitos Humanos, Maria do Rosário, sacou o Twitter da bolsa e mandou bala nos suspeitos de sempre: “Boatos sobre fim do bolsa família deve (sic) ser da central de notícias da oposição. Revela posição ou desejo de quem nunca valorizou a política”. Logo se descobriu que a confusão fora provocada pelos próprios gerentes  do maior programa oficial de compra de votos do mundo.

Na versão divulgada pelo alto comando da CEF, um diretor afoito ordenara, sabe-se lá por quê, que o dinheiro pousasse antes da hora na conta da clientela. Retransmitida em cadeia pelos dependentes da esmola federal, a boa notícia espalhou-se pelo país e as filas começaram a assumir dimensões amazônicas. Alguém desconfiou que o presente inesperado era um prenúncio do encerramento do programa e a onda de rumores transformou a suspeita em certeza. A oposição não teve nada com isso. Maria do Rosário nem pediu desculpas pela cretinice.

Em outubro de 2013, Joselito Müller, editor de um blog humorístico, informou que a ministra dos Direitos Humanos, depois de confrontada com um vídeo em que um assaltante é baleado por um policial, ficara a favor do bandido. A brincadeira provocou uma colérica reação de Maria do Rosário. Em nota oficial, a companheira do PT gaúcho avisou que pedira à Polícia Federal “criteriosa investigação e responsabilização dos autores da notícia mentirosa publicada”. Ela também solicitara “à empresa que hospeda o site que retire o conteúdo difamatório do ar. As solicitações deram em nada. A Polícia Federal tem mais o que fazer. E o controle social da mídia ainda é só um brilho no olhar da companheirada. Maria do Rosário teve de engolir sem engasgos tanto a piada quanto a retaliação imbecil.

Em novembro de 2013, no cemitério de São Borja, a ministra saudou a exumação dos restos mortais de João Goulart com uma discurseira de oradora de festa de batizado. “A investigação é uma missão de Estado, humanitária, cumprida com total isenção”, caprichou a sherloque convencida de que o presidente deposto em 1964 morreu não de enfarte, mas envenenado por agentes da ditadura dos generais. ”Custa menos do que uma ditadura, porque essa custou vidas, exílio, significou a morte. Estamos valorizando a democracia”.

Jango já foi devolvido à sepultura. Mas não descansará em paz enquanto a alma de Maria do Rosário continuar envenenada por teorias amalucadas que só vicejam em cabeças baldias. Ela fica especialmente excitada com a aparição de cadáveres que podem ser transformados em instrumentos eleitoreiros. Coerentemente, não perdeu a chance de intrometer-se, neste janeiro, na história do jovem gay cujo corpo foi encontrado sob um viaduto no centro de São Paulo.

A polícia mal começara a investigar o caso quando a ministra incorporou simultaneamente três personagens: o delegado que identifica culpados em cinco minutos, o promotor que se dispensa da apresentação de provas para exigir a imediata punição dos carrascos e o juiz que condena sem sequer folhear os autos. E lá veio mais uma nota oficial, abaixo reproduzida em sua essência:

“A Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República (SDH/PR) vem a público manifestar solidariedade à família de Kaique Augusto Batista dos Santos, assassinado brutalmente no último sábado (11/01). (…)
 “As circunstâncias do episódio e as condições do corpo da vítima, segundo relatos dos familiares, indicam que se trata de mais um crime de ódio e intolerância motivado por homofobia. (…)
Em 2012, houve um aumento de 11% dos assassinatos motivados por homofobia no Brasil em comparação a 2011.
(…) Diante desse quadro, reiteramos a necessidade de que o Congresso Nacional aprove legislação que explicitamente puna os crimes de ódio e intolerância motivados por homofobia no Brasil, para um efetivo enfrentamento dessas violações de Direitos Humanos”.

Nesta terça-feira, a mãe de Kaique admitiu que o filho cometeu suicídio. A hipótese se ampara em mensagens escritas, filmes e depoimentos. Os que embarcaram nas fantasias de Maria do Rosário vão caindo fora da nau dos insensatos. Maria do Rosário continua por lá. E continua ministra.

Na década de 70, Nelson Rodrigues constatou que os idiotas estavam por toda parte. Mas nem o grande cronista imaginou que, menos de 50 anos depois, cretinos fundamentais seriam amplamente majoritários no primeiro escalão do governo federal.

Nenhum comentário:

Pesquisa personalizada