Visitantes desde 1º junho 2013

Free counters!

Blog Prontidão Total

Blog Prontidão Total

Este espaço é primeiramente dedicado a DEUS, a PÁTRIA, a FAMÍLIA e a LIBERDADE.

Vamos contar VERDADES e impedir que a esquerda, pela repetição exaustiva de uma mentira, transforme mentiras em VERDADES.

Escrevemos para dois leitores: “Ninguém” e “Todo Mundo” * BRASIL Acima de todos! DEUS Acima de tudo!

NOS VISITE!!! ENTRAR!!! CONTINUAR>>>


COMUNICADO - Novo Site

Nota de Esclarecimento

Importante:

Memória: em 8 setembro 2007, começamos as atividades deste Blog, sob o título Blog da UNR e nossos objetivos estão bem destacados no nosso primeiro post, título 'início das atividades...' .

De imediato, constatamos que estando a esquerda no governo, uma dificuldade se apresentava: contar os erros, as traições, as covardias, os assassinatos, as falcatruas cometidos pela esquerda durante o Governo Militar OU contar os crimes que a esquerda, a petralhada à frente, continua cometendo nos dias atuais? (apesar de fragorosamente derrotada pelos militares a esquerda aproveitou-se da generosidade dos vencedores e voltou tal qual serpente e conseguiu PERDER A GUERRA e vencer a Batalha da Comunicação, passando de vilão a heroína).

A famigerada esquerda conseguiu o poder - agindo disfarçada de democrata - e passou a mostrar, de forma descarada, ser pior que antes.

Diversos motivos, que não vem ao caso aqui detalhar, tornaram conveniente alterar o nome do Blog da UNR, que passou a denominação de BLOG PRONTIDÃO, mantendo a URL.

Apesar de ser um Blog pequeno, fruto de um trabalho amadorístico, porém de muita dedicação, contando com poucos seguidores, alguns visitantes fiéis, outros eventuais, tivemos a imensa alegria de constatar que incomodávamos a petralhada - o que foi fácil perceber pela necessidade de 'moderar comentários', pelos xingamentos que recebemos a cada postagem, tentativas de invasão (parcialmente exitosas, com modificações de postagens {o mais odioso foram as vezes que conseguiram mudar palavras, trechos de postagens, títulos, e passar a idéia que defendíamos o desgoverno petralha}).

Para tornar mais dificil que os guerrilheiros da informática à serviço do desgoverno - o ministro da Secom, Traumann, foi demitido por admitir publicamente que o desgoverno Dilma, a exemplo do seu antecessor $talinácio Lula, usam a guerrilha virtual - continuassem a nos incomodar, decidimos suspender, temporariamente, a veiculação de POSTs no Blog Prontidão, passando a veicular no Blog PRONTIDÃO TOTAL, usando outra URL.

Claro que alguns leitores não acessaram o Blog Prontidão Total - o que atribuímos a alguma falta de comunicação da nossa parte - porém, de tudo concluímos que podemos e VAMOS PERMANECER firmes e fortes, protegidos da sanha 'assassina' dos guerrilheiros virtuais do desgoverno, contando a verdade, tudo o que soubermos e o nosso amadorismo permitir, do muito de ruim, de nocivo, de pernicioso, que o atual desgoverno pratica, estimula, esconde e apoia.

Voltar ao Blog PRONTIDÃO seria pretender que nossos poucos leitores ficassem pulando de galho em galho - a manutenção da nossa 'linha editorial', que vem desde 2007, é eloquente e fiel aos fatos ao provar que nossos ideais permanecem firmes, estamos apenas mais fortes.

Vamos continuar com a denominação Blog PRONTIDÃO TOTAL, na URL que atualmente atende àquele Blog, mantendo nossa postura de apresentar sempre a VERDADE - verdade que representa os fatos (aliás, não podemos esquecer, verdade e fato são unos)e não a verdade conveniente (tática usada pela esquerda petralha).

Felizmente, temos dois leitores, afinal, escrevemos e vamos continuar escrevendo para dois leitores: "Ninguém" e "Todo Mundo".

Por favor, nos honre com sua visita, clicando aqui: Blog Prontidão Total ou em qualquer link disponível, em azul, neste texto

ou colando em seu navegador: http://brasil-ameoudeixe.blogspot.com.br/

ou Blog Prontidão Total

BRASIL! ACIMA DE TUDO

IMPOSTÔMETRO

Ad Sense

sexta-feira, 4 de abril de 2014

IPEA - ATUALIZAÇÃO - DIFICIL DE ACREDITAR – Cai diretor do IPEA – Alguém, acredita que o IPEA errou? Tem ‘bode expiatório’ nessa “estória”; a pesquisa foi divulgada em 27 MARÇO e só agora descobrem que houve engano

Contra estupro, brasilienses organizam marcha em frente ao Museu Nacional.  
A manifestação tem como bandeira inibir qualquer tipo de violência sexual
Adeptas do movimento "Eu não mereço ser estuprada" vão realiza, neste sábado (5/4), uma manifestação em frente ao Museu da República às 14h. Inspirados pela frase "meme" lançada pela jornalista Nana Queiroz, o movimento tem como bandeira inibir qualquer ato de violência sexual contra qualquer ser. "Nem animal, nem criança, nem idoso, nem doente mental, nem mulher, nem homem. Ninguém! Somos todos vítimas desta cultura", diz a divulgação.
A página do evento reforça a ideia de que, em hipótese alguma, sexo forçado é aceitável. O evento no Facebook já conta com mais de 700 pessoas confirmadas. Uma das organizadoras do evento, a estudante de logística Aysla Oliveira, 26 anos, explica que a marcha tem como objetivo chamar atenção da mídia e do governo para campanhas mais efetivas para combate ao estupro. Segundo a programação, eles seguirão do Museu Nacional até o Congresso Nacional caminhando, com faixas e cartazes.

A manifestação também ocorrerá em outras cidades do Brasil. Em Pernambuco, a concentração está marcada para esta sexta-feira, às 18h30. No sábado, o movimento será realizado às 13h em São Paulo e em Salvador. No domingo, será a vez do Rio de Janeiro, com programação a partir das 14h.

ATUALIZAÇÃO: Ipea errou: 26%, e não 65%, concordam que mulheres com roupas curtas merecem ser atacadas – certamente a  ‘doutora em anda’, seguindo orientações do DIABO determinou a farsa com vistas a uma retificação.

Outro ponto sem explicação é que ums instituição séria como sempre foi o IPEA, comete um erro elementar deste tipo e DEZ DIAS DEPOIS é que descobre.

Este Blog postou matéria  sobre a pesquisa em 28 março 2014 - clique e leia e só uma semana após descobrem o erro !!! TEM MUTRETA PETISTA

TEM MAIS:                                                                                                             O IPEA jamais cometeria um erro tão elementar. É uma instituição tão séria que em ABRIL 2011  ele já apontava para os atrasos nas obras da COPA.

Clique aqui para ler: quarta-feira, 13 de abril de 2011 - Brasil vai atrasar obras da Copa, especialmente aeroportos

Em nota, Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada afirma que trocou os gráficos da pesquisa; diretor de Estudos e Políticas Sociais pediu demissão
O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), órgão do governo federal, divulgou nota nesta sexta-feira na qual afirma que o resultado da pesquisa que provocou protestos, mobilizou artistas e autoridades, entre elas a presidente Dilma Rousseff, e teve ampla repercussão nas redes sociais, estava errado. Ao contrário do que foi divulgado há nove dias, 26% e não 65% dos brasileiros concordam com que “mulheres que usam roupas que mostram o corpo merecem ser atacadas”. 
Segundo o Ipea, houve uma troca nos gráficos da pesquisa. Os porcentuais corretos são: 26% concordam, total ou parcialmente, com a afirmação "mulheres que usam roupas que mostram o corpo merecem ser atacadas”, e outros 70% discordam total ou parcialmente. Um grupo de 3,4% disse ser neutro. Em nota, o órgão afirma que “foram aplicados 3.772 questionários em 211 municípios de todas as unidades da federação. O questionário não foi aplicado apenas em horário comercial. Os pesquisadores atuaram em períodos de até doze horas diárias, inclusive aos sábados, domingos e feriados”. A pesquisa com os dados errados teve enorme repercussão e deu origem a uma campanha nas redes sociais com os dizeres   #eunãomereçoserestuprada.
Após o reconhecimento do erro, o diretor de Estudos e Políticas Sociais, Rafael Osório, pediu demissão. 

Campanha
O movimento foi lançado nas redes sociais após a divulgação de uma pesquisa do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA). O estudo indicou que 65% dos entrevistados acham que mulheres merecem ser atacadas quando estão com roupas que mostram o corpo.

Após organizadoras da campanha #eunãomereçoserestuprada receberem várias ameaças na internet, homens também aderiram à ideia. No fanpage do Correio, a postagem com a foto de um homem que aderiu a campanha conta com mais de 100 mil compartilhamentos.

Nenhum comentário:

Pesquisa personalizada