Visitantes desde 1º junho 2013

Free counters!

Blog Prontidão Total

Blog Prontidão Total

Este espaço é primeiramente dedicado a DEUS, a PÁTRIA, a FAMÍLIA e a LIBERDADE.

Vamos contar VERDADES e impedir que a esquerda, pela repetição exaustiva de uma mentira, transforme mentiras em VERDADES.

Escrevemos para dois leitores: “Ninguém” e “Todo Mundo” * BRASIL Acima de todos! DEUS Acima de tudo!

NOS VISITE!!! ENTRAR!!! CONTINUAR>>>


COMUNICADO - Novo Site

Nota de Esclarecimento

Importante:

Memória: em 8 setembro 2007, começamos as atividades deste Blog, sob o título Blog da UNR e nossos objetivos estão bem destacados no nosso primeiro post, título 'início das atividades...' .

De imediato, constatamos que estando a esquerda no governo, uma dificuldade se apresentava: contar os erros, as traições, as covardias, os assassinatos, as falcatruas cometidos pela esquerda durante o Governo Militar OU contar os crimes que a esquerda, a petralhada à frente, continua cometendo nos dias atuais? (apesar de fragorosamente derrotada pelos militares a esquerda aproveitou-se da generosidade dos vencedores e voltou tal qual serpente e conseguiu PERDER A GUERRA e vencer a Batalha da Comunicação, passando de vilão a heroína).

A famigerada esquerda conseguiu o poder - agindo disfarçada de democrata - e passou a mostrar, de forma descarada, ser pior que antes.

Diversos motivos, que não vem ao caso aqui detalhar, tornaram conveniente alterar o nome do Blog da UNR, que passou a denominação de BLOG PRONTIDÃO, mantendo a URL.

Apesar de ser um Blog pequeno, fruto de um trabalho amadorístico, porém de muita dedicação, contando com poucos seguidores, alguns visitantes fiéis, outros eventuais, tivemos a imensa alegria de constatar que incomodávamos a petralhada - o que foi fácil perceber pela necessidade de 'moderar comentários', pelos xingamentos que recebemos a cada postagem, tentativas de invasão (parcialmente exitosas, com modificações de postagens {o mais odioso foram as vezes que conseguiram mudar palavras, trechos de postagens, títulos, e passar a idéia que defendíamos o desgoverno petralha}).

Para tornar mais dificil que os guerrilheiros da informática à serviço do desgoverno - o ministro da Secom, Traumann, foi demitido por admitir publicamente que o desgoverno Dilma, a exemplo do seu antecessor $talinácio Lula, usam a guerrilha virtual - continuassem a nos incomodar, decidimos suspender, temporariamente, a veiculação de POSTs no Blog Prontidão, passando a veicular no Blog PRONTIDÃO TOTAL, usando outra URL.

Claro que alguns leitores não acessaram o Blog Prontidão Total - o que atribuímos a alguma falta de comunicação da nossa parte - porém, de tudo concluímos que podemos e VAMOS PERMANECER firmes e fortes, protegidos da sanha 'assassina' dos guerrilheiros virtuais do desgoverno, contando a verdade, tudo o que soubermos e o nosso amadorismo permitir, do muito de ruim, de nocivo, de pernicioso, que o atual desgoverno pratica, estimula, esconde e apoia.

Voltar ao Blog PRONTIDÃO seria pretender que nossos poucos leitores ficassem pulando de galho em galho - a manutenção da nossa 'linha editorial', que vem desde 2007, é eloquente e fiel aos fatos ao provar que nossos ideais permanecem firmes, estamos apenas mais fortes.

Vamos continuar com a denominação Blog PRONTIDÃO TOTAL, na URL que atualmente atende àquele Blog, mantendo nossa postura de apresentar sempre a VERDADE - verdade que representa os fatos (aliás, não podemos esquecer, verdade e fato são unos)e não a verdade conveniente (tática usada pela esquerda petralha).

Felizmente, temos dois leitores, afinal, escrevemos e vamos continuar escrevendo para dois leitores: "Ninguém" e "Todo Mundo".

Por favor, nos honre com sua visita, clicando aqui: Blog Prontidão Total ou em qualquer link disponível, em azul, neste texto

ou colando em seu navegador: http://brasil-ameoudeixe.blogspot.com.br/

ou Blog Prontidão Total

BRASIL! ACIMA DE TUDO

IMPOSTÔMETRO

Ad Sense

quarta-feira, 9 de abril de 2014

O Brasil precisa de um Líder = o Brasil precisa de um General para impedir sua entrada neste circulo vicioso: "O Brasil está se tornando Argentina, Argentina está se tornando Venezuela e a Venezuela está se tornando Zimbábue"



Não precisa ser um general quatro estrelas. As necessidades brasileiras, especialmente as de ORDEM e PROGRESSO, serão atendidas perfeitamente por uma ação iniciada por um general de divisão.

Há urgência em alguém que seja a “espoleta” que detone a insatisfação existente no seio das Forças Armadas e que precisam apenas da faísca iniciadora.

É necessário apenas que um general comandando uma Região Militar e/ou uma Divisão dê o grito de BASTA!

Dado este grito e ordenando o deslocamento de suas tropas para Brasília ou ocorrendo o grito em Brasília para o Palácio do Planalto, haverá, algo perfeitamente normal: ensaios de movimentos contrários ao deslocamento das tropas ordenado em sequência ao grito de BASTA.

Mas, no momento em que as tropas começarem o deslocamento, adesões começarão a ocorrer. A insatisfação reinante no meio militar fará com que cada comandante de Regimento, Batalhão ou grande Unidade, deixe aflorar o seu repúdio ao atual governo e comecem a surgir adesões.

Foi de uma forma corajosa, considerada por muitos precipitada, que o general de divisão Olympio Mourão Filho, na época comandante  da 4ª Região Militar e da 4ª Divisão de Infantaria, tomou a decisão mais crucial e estratégica para o sucesso do Movimento Contrarrevolucionário de 1964.

De forma imprevista, sem garantia concreta de apoio, determinou o deslocamento das tropas o que foi suficiente para obter apoio em cascata. Os comandantes militares legalistas e ainda fiéis – ou não declaradamente opositores - a Jango, ao tomarem conhecimento do movimento iniciado sob as ordens do general  mineiro  ou consideraram o movimento uma quartelada sem importância ou optaram pela adesão. Cada adesão gerava outras e outras. E assim a Contrarrevolução de 31 de março de 1964 se tornou um movimento vitorioso e livrou nossa Pátria de ser mais um satélite da União Soviética.

O desgoverno que finge governar o Brasil, o CAOS instalado, a DESORDEM, tornam imperioso que a História se repita.

Afinal, estamos em um Brasil SEM SAÚDE, SEM EDUCAÇÃO, SEM TRANSPORTE PÚBLICO, SEM SEGURANÇA, SEM MOBILIDADE URBANA,

Um Brasil COM INFLAÇÃO CRESCENTE, com CORRUPÇÃO GALOPANTE, com DESVALORIZAÇÃO DA FAMÍLIA, da MORAL, 


O que mais que  justifica um movimento que desaloje as esquerdas, os corruptos, os traidores e restabeleça a ORDEM PÚBLICA propiciando condições para o PROGRESSO e com este o Brasil retorne ao “estado democrático de direito”.
 “CONTRA REVOLUÇÃO”

Uma nova Contra Revolução com ajuda dos militares, disputa nas urnas... Qual a opção da direita brasileira? O que a população pode esperar de seus líderes mais sensatos? Esses líderes existem?

Nos últimos meses cresceu muito o debate intelectual entre direita e esquerda no Brasil, o fracasso de “democracias” alinhadas com o discurso castrista e a prisão da cúpula petista tem colocado em cheque o que pregam os 'intelectuais" do PT e aliados, fazendo surgir grandes interrogações na mente de jovens e velhos brasileiros que se autoproclamam como posicionados politicamente à esquerda. Adesões importantes tem contribuido para aumentar a ousadia dos conservadores - e somado muito para o debate - fazendo com que se torne menos depreciativo, ou fora de moda, se declarar de direita ou conservador. 

Podemos citar aqui os cantores Lobão e Roger e o entrevistador Danilo Gentili. Contudo, sabemos muito bem que o que vai definir o futuro do Brasil será o resultado das eleições, e não os debates entre teóricos de esquerda e direita.

Aliás, não se vê realmente debates entre esquerda e direita no Brasil, o que se têm são mesas redondas compostas exclusivamente por membros de um ou de outro lado. Um debate bem mediado entre um representante de cada lado seria extremamente interessante.

A esmagadora maioria das pessoas que vai comparecer ao pleito de 2014 dificilmente lê livros que discorram sobre política e história. Estes, provavelmente nunca ouviram falar de Mises, Lênin ou Trotsky. Chê para eles é um jovem rebelde, à frente das ideias conservadoras de seu tempo, uma espécie de jovem intelectual e revolucionário, do bem. A maior parte da população que vai às urnas nunca leu o manifesto comunista e tem implantado em sua mente que tudo que é “do bem”, como qualidade de vida, poder aquisitivo, direitos das mulheres, liberdade de expressão, casamento gay, sistema de cotas, bolsa família, aumento do salário mínimo, copa do mundo e olimpíada, está ligado à esquerda. Essa parcela da população dificilmente será orientada a olhar um pouco para o norte e observar que os países onde predominam a liberdade e igualdade são aqueles que se posicionaram mais duramente contra os ideais Marxistas.

Infelizmente não há um plano para mudar os rumos que ora assume essa nação, nem a curto nem a médio prazo. A maioria das instituições que poderiam assumir a vanguarda desse batalha hoje prefere uma confortável posição de neutralidade. Não são colunistas como Reinaldo Azevedo e Rodrigo Constantino, teóricos como Olavo de Carvalho e Heitor de Paola ou sites como Mídia sem Máscara e Revista Sociedade Militar que vão nos conduzir a uma virada de mesa, precisamos muito mais do que isso. Eles são apenas grandes ferramentas de esclarecimento, não têm o poder da grande mídia e nem o dinheiro dos grandes partidos.

Podemos enumerar mais de trinta grandes comunidades de direita no ambiente virtual, elas somariam facilmente mais de dois milhões de visualizações por dia na internet e representam bem a parcela da população que abomina o que o PT e aliados têm (des)feito no país. Quando foi que os membros dessas comunidades se encontraram pessoalmente? Quando foi que conversaram pelo menos por telefone? Já pensaram na questão financeira e criaram um fundo? Os militantes de esquerda, por sua vez, pagam seu dízimo ao partido, realizam congressos, cursos, acampamentos, reuniões.
 
Para agir no mundo real é preciso um contato além do virtual. Aí está uma sugestão importante. Se a sociedade conservadora não se posicionar, unindo-se rapidamente em torno de objetivos bem traçados, o país certamente chegará aos anos trinta desse século em um estado lastimável e irreversível.

Não são os adjetivos que nos preocupam, pouco nos importa se o Brasil se auto declara como uma república democrática, socialista, social-democrata ou qualquer outro nome, o que importa é a forma como se conduz os pontos mais importantes. A Venezuela já foi lançada no caos, Argentina também, seremos os próximos? Um jornal norte americano publicou na semana passada: "O Brasil está se tornando Argentina, Argentina está se tornando Venezuela, e a Venezuela está se tornando Zimbábue". Esperamos que isso não seja profético.

O conjunto de bandeiras a defender é enorme, como unificaríamos isso? Quais são os principais pontos? Quem são nossos líderes? Quais serão as primeiras ações e como podemos contribuir? Aguardamos respostas e ações concretas.

Precisamos dessas respostas, rápido. Nossos filhos e netos correm um sério risco.

Por: Robson A.S. Cientista Social - Professor.

sociedademilitar.com.br/ 



Nenhum comentário:

Pesquisa personalizada