Visitantes desde 1º junho 2013

Free counters!

Blog Prontidão Total

Blog Prontidão Total

Este espaço é primeiramente dedicado a DEUS, a PÁTRIA, a FAMÍLIA e a LIBERDADE.

Vamos contar VERDADES e impedir que a esquerda, pela repetição exaustiva de uma mentira, transforme mentiras em VERDADES.

Escrevemos para dois leitores: “Ninguém” e “Todo Mundo” * BRASIL Acima de todos! DEUS Acima de tudo!

NOS VISITE!!! ENTRAR!!! CONTINUAR>>>


COMUNICADO - Novo Site

Nota de Esclarecimento

Importante:

Memória: em 8 setembro 2007, começamos as atividades deste Blog, sob o título Blog da UNR e nossos objetivos estão bem destacados no nosso primeiro post, título 'início das atividades...' .

De imediato, constatamos que estando a esquerda no governo, uma dificuldade se apresentava: contar os erros, as traições, as covardias, os assassinatos, as falcatruas cometidos pela esquerda durante o Governo Militar OU contar os crimes que a esquerda, a petralhada à frente, continua cometendo nos dias atuais? (apesar de fragorosamente derrotada pelos militares a esquerda aproveitou-se da generosidade dos vencedores e voltou tal qual serpente e conseguiu PERDER A GUERRA e vencer a Batalha da Comunicação, passando de vilão a heroína).

A famigerada esquerda conseguiu o poder - agindo disfarçada de democrata - e passou a mostrar, de forma descarada, ser pior que antes.

Diversos motivos, que não vem ao caso aqui detalhar, tornaram conveniente alterar o nome do Blog da UNR, que passou a denominação de BLOG PRONTIDÃO, mantendo a URL.

Apesar de ser um Blog pequeno, fruto de um trabalho amadorístico, porém de muita dedicação, contando com poucos seguidores, alguns visitantes fiéis, outros eventuais, tivemos a imensa alegria de constatar que incomodávamos a petralhada - o que foi fácil perceber pela necessidade de 'moderar comentários', pelos xingamentos que recebemos a cada postagem, tentativas de invasão (parcialmente exitosas, com modificações de postagens {o mais odioso foram as vezes que conseguiram mudar palavras, trechos de postagens, títulos, e passar a idéia que defendíamos o desgoverno petralha}).

Para tornar mais dificil que os guerrilheiros da informática à serviço do desgoverno - o ministro da Secom, Traumann, foi demitido por admitir publicamente que o desgoverno Dilma, a exemplo do seu antecessor $talinácio Lula, usam a guerrilha virtual - continuassem a nos incomodar, decidimos suspender, temporariamente, a veiculação de POSTs no Blog Prontidão, passando a veicular no Blog PRONTIDÃO TOTAL, usando outra URL.

Claro que alguns leitores não acessaram o Blog Prontidão Total - o que atribuímos a alguma falta de comunicação da nossa parte - porém, de tudo concluímos que podemos e VAMOS PERMANECER firmes e fortes, protegidos da sanha 'assassina' dos guerrilheiros virtuais do desgoverno, contando a verdade, tudo o que soubermos e o nosso amadorismo permitir, do muito de ruim, de nocivo, de pernicioso, que o atual desgoverno pratica, estimula, esconde e apoia.

Voltar ao Blog PRONTIDÃO seria pretender que nossos poucos leitores ficassem pulando de galho em galho - a manutenção da nossa 'linha editorial', que vem desde 2007, é eloquente e fiel aos fatos ao provar que nossos ideais permanecem firmes, estamos apenas mais fortes.

Vamos continuar com a denominação Blog PRONTIDÃO TOTAL, na URL que atualmente atende àquele Blog, mantendo nossa postura de apresentar sempre a VERDADE - verdade que representa os fatos (aliás, não podemos esquecer, verdade e fato são unos)e não a verdade conveniente (tática usada pela esquerda petralha).

Felizmente, temos dois leitores, afinal, escrevemos e vamos continuar escrevendo para dois leitores: "Ninguém" e "Todo Mundo".

Por favor, nos honre com sua visita, clicando aqui: Blog Prontidão Total ou em qualquer link disponível, em azul, neste texto

ou colando em seu navegador: http://brasil-ameoudeixe.blogspot.com.br/

ou Blog Prontidão Total

BRASIL! ACIMA DE TUDO

IMPOSTÔMETRO

Ad Sense

terça-feira, 22 de abril de 2014

O deputado petista André Vargas se acovarda e pede a deputado petista para pedir vista do processo e com isso retarda seu julgamento - Henrique Alves diz o óbvio: renúncia é ato unilateral do renunciante

Deputado do PT admite que atendeu a pedido de Vargas ao pedir vista sobre abertura de processo de cassação e diz que quis evitar linchamento 
Júlio Delgado critica manobra e diz que decisão sobre Vargas deve se arrastar até as eleições  - Relator do processo contra o deputado André Vargas (PT-PR) no Conselho de Ética da Câmara, Júlio Delgado (PSB-MG) criticou a manobra dos parlamentares do PT, com pedido de vista para adiar investigação. Antes mesmo do início da sessão do Conselho, nesta terça-feira, os integrantes já sabiam que um parlamentar petista pediria vista. Júlio Delgado alertou que, com os prazos, o processo só deve ficar pronto para ser votado pelo Plenário da Câmara pouco antes das eleições de outubro. — A tática é uma visão certamente protelatória. Na semana que vem, tem o feriado (1º de maio). Depois, tem dez dias de defesa do André Vargas. Vamos maio, junho. Queríamos encerrar antes da Copa e até 18 de julho, quando inicia o recesso. Mas, em Plenário, acredito que pouco antes das eleições. Mas o PT está apenas estendendo a sangria do deputado — disse Júlio Delgado. [é sempre bom ter em conta que foi pela opção por deixar o Ignorantácio Lula da Silva sangrar até morrer, que aquele elemento conseguiu sobreviver politicamente;
assim, é conveniente que se deixa qualquer petista alcançar a morte política sangrando lentamente, mas, sempre dando umas pancadinhas para aumentar a anemia política do indigitado.
Matar o petista, politiamente, aos poucos, mas batendo de leve mas de forma contínua.]

O relator também disse que não é o caso de se discutir delação premiada para André Vargas, porque no Conselho de Ética não há processo judicial. Além disso, ele não aposta na tese de que situação de Vargas é parecida com o do deputado Carlos Leréia (PSDB-GO), cuja pena pedida pelo Conselho de Ética é de suspensão por 90 dias. — O caso de André Vargas é muito mais grave — disse Júlio Delgado.

O deputado Zé Geraldo (PT-PA) admitiu que atendeu a um pedido do próprio André Vargas (PT-PR) para fazer o pedido de vista. Ele disse que a posição do PT é pela renúncia de André Vargas, mas que na bancada esta posição não é consensual. Nos bastidores, alguns integrantes da bancada ainda estão ao lado do paranaense, embora a maioria e a direção nacional do PT queriam sua saída imediata. Ontem, Vargas conversou com alguns colegas.
Apenas reagi à forma como esse Conselho está querendo linchar um deputado do PT. A posição do partido é uma posição de que ele deveria ter renunciado. A posição da bancada não foi consensual. Ele (André Vargas) está querendo esse tempo e esse tempo esta sendo dado a ele. Também pediu. De certa forma, ele está pedindo (esse tempo) — disse Zé Geraldo.


Henrique Alves diz que renúncia de Vargas será aceita
Relator de processo defenderá admissibilidade da investigação por quebra de decoro
De volta de uma viagem à China, o presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), comunicou ao deputado André Vargas (PT-PR) que, se ele apresentar sua renúncia ao mandato — para tentar tirar dos holofotes seu envolvimento com o doleiro Alberto Youssef em negócios do Ministério da Saúde —, ela será aceita de imediato, independentemente do estágio em que esteja o processo no Conselho de Ética da Câmara.

É um ato unilateral dele. Se ele quiser renunciar, não há o que discutir. É só aceitar e convocar o suplente. Como pode ficar na Câmara um renunciado? Participa das sessões? Vai votar? Cria-se um problema jurídico — disse ao GLOBO o presidente Henrique Alves.

Enquanto a Casa aguarda o posicionamento definitivo de Vargas sobre seu mandato, o processo que apura a quebra de decoro do parlamentar terá novos desdobramentos hoje no Conselho de Ética. O relator que apura as possíveis irregularidades, deputado Júlio Delgado (PSB-MG), finalizou ontem o parecer, no qual defenderá a admissibilidade da investigação por quebra de decoro. Vargas é acusado de ter relações suspeitas com Youssef, o doleiro preso na Operação Lava-Jato sob a acusação de lavar R$ 10 bilhões. O texto, no qual Delgado afirmará haver possíveis transgressões na conduta de Vargas, deverá ir a votação ainda hoje. — A preliminar de admissibilidade foi criada para excluir casos absurdos e notórios, o que não é o caso. Vamos nos basear claramente na fala dele em plenário. Só aí há dois tipos de possíveis transgressões ao nosso código de ética e decoro: a percepção de vantagem indevida e o tráfico de influência, a intermediação de contatos usando o fato de ser parlamentar — disse Delgado.

Nem mesmo os aliados mais próximos de Vargas arriscam cravar se ele irá de fato apresentar sua renúncia, devido às idas e vindas do petista nas últimas semanas. O certo é que há forte pressão dentro de seu partido para que ele deixe logo o mandato e evite um sangramento maior do PT. A ponderação de líderes do partido é que, recentemente, o PT sofreu intenso desgaste com os processos contra os condenados no mensalão — José Dirceu, José Genoino e João Paulo Cunha —, todos expoentes petistas, e a legenda não pode enfrentar um novo escândalo de um integrante da cúpula do PT. Especialmente, em ano eleitoral.

Disputa acirrada pela vice-presidência
Henrique Alves explicou que, caso Vargas apresente sua renúncia, não há alternativa para o presidente da Casa a não ser aceitá-la. O presidente diz ter recebido uma ligação do petista nos últimos dias, quando Vargas lhe relatou sobre a saída da vice-presidência e confidenciou que ainda estava avaliando se iria ou não renunciar à vaga na Câmara. Caso a renúncia ocorra, o pedido será publicado no dia seguinte e o suplente de Vargas, convocado.
Há alguns dias, Vargas disse temer que a renúncia sequer fosse aceita pela Mesa Diretora, como defendia parte da área técnica da Casa. A principal preocupação de Alves, ao descartar a possibilidade de manter a renúncia “na geladeira”, é o risco de o Conselho de Ética decidir por uma pena mais leve, como uma suspensão. Assim, se Vargas confirmar a renúncia, o processo no Conselho continuará apenas para demarcar uma posição simbólica da Câmara — já que a Lei do Ficha Limpa torna inelegível quem renuncia para evitar processos de cassação. — Deixei claro para ele também que na hora em que se instaura um processo no Conselho de Ética (o que já ocorreu), não há como voltar. Se fosse o caso, ele teria de ter renunciado antes para evitar (o prosseguimento do processo). A partir de agora é irreversível — concluiu Alves.

Até o momento, Vargas se limitou a renunciar ao cargo de vice-presidente da Câmara, que já está sendo disputado por diferentes tendências petistas. O candidato mais forte ao posto neste momento é o ex-ministro Luiz Sérgio (PT-RJ), da tendência Construindo um Novo Brasil (CNB), a maior do PT e a mesma de Vargas. Mas, o deputado Paulo Teixeira (PT-SP), que em 2012 foi derrotado para o mesmo posto por Vargas, ainda não desistiu da disputa. A votação em plenário está marcada para o dia 29, mas os petistas pretendem chegar a um acordo nos próximos dias para evitar um embate público. Um dos principais defensores da candidatura de Luiz Sérgio, o ex-ministro Edson Santos (PT-RJ) defende que a vaga seja ocupada pelo mesmo segmento de Vargas: — O nome ideal para substituir Vargas é Luiz Sérgio, até porque é uma figura muito ponderada, tem diálogo na Câmara com a bancada do PT. Sem nenhum demérito a Paulo Teixeira, nesse momento Luiz Sérgio atende melhor as necessidades do PT. Devemos evitar ao máximo a disputa por votos. As pessoas já alertaram Paulo Teixeira sobre essa preocupação. Vamos resolver internamente no PT para chegar a um único nome.

Teixeira diz que ainda não fechou questão sobre sua candidatura e que isso dependerá do apoio dos colegas de bancada. — Vou consultar os colegas para ver que posição tomar. Vários deputados sugeriram que eu colocasse meu nome, sinto que muitos estão pedindo para eu entrar, mas antes vou fazer uma consulta ampla. Se tiver um sentimento de que devo, vou entrar. Vou fazer a análise da oportunidade, ver a conveniência de colocar meu nome ou não — disse o parlamentar paulista.


Fonte: O Globo


Nenhum comentário:

Pesquisa personalizada