Visitantes desde 1º junho 2013

Free counters!

Blog Prontidão Total

Blog Prontidão Total

Este espaço é primeiramente dedicado a DEUS, a PÁTRIA, a FAMÍLIA e a LIBERDADE.

Vamos contar VERDADES e impedir que a esquerda, pela repetição exaustiva de uma mentira, transforme mentiras em VERDADES.

Escrevemos para dois leitores: “Ninguém” e “Todo Mundo” * BRASIL Acima de todos! DEUS Acima de tudo!

NOS VISITE!!! ENTRAR!!! CONTINUAR>>>


COMUNICADO - Novo Site

Nota de Esclarecimento

Importante:

Memória: em 8 setembro 2007, começamos as atividades deste Blog, sob o título Blog da UNR e nossos objetivos estão bem destacados no nosso primeiro post, título 'início das atividades...' .

De imediato, constatamos que estando a esquerda no governo, uma dificuldade se apresentava: contar os erros, as traições, as covardias, os assassinatos, as falcatruas cometidos pela esquerda durante o Governo Militar OU contar os crimes que a esquerda, a petralhada à frente, continua cometendo nos dias atuais? (apesar de fragorosamente derrotada pelos militares a esquerda aproveitou-se da generosidade dos vencedores e voltou tal qual serpente e conseguiu PERDER A GUERRA e vencer a Batalha da Comunicação, passando de vilão a heroína).

A famigerada esquerda conseguiu o poder - agindo disfarçada de democrata - e passou a mostrar, de forma descarada, ser pior que antes.

Diversos motivos, que não vem ao caso aqui detalhar, tornaram conveniente alterar o nome do Blog da UNR, que passou a denominação de BLOG PRONTIDÃO, mantendo a URL.

Apesar de ser um Blog pequeno, fruto de um trabalho amadorístico, porém de muita dedicação, contando com poucos seguidores, alguns visitantes fiéis, outros eventuais, tivemos a imensa alegria de constatar que incomodávamos a petralhada - o que foi fácil perceber pela necessidade de 'moderar comentários', pelos xingamentos que recebemos a cada postagem, tentativas de invasão (parcialmente exitosas, com modificações de postagens {o mais odioso foram as vezes que conseguiram mudar palavras, trechos de postagens, títulos, e passar a idéia que defendíamos o desgoverno petralha}).

Para tornar mais dificil que os guerrilheiros da informática à serviço do desgoverno - o ministro da Secom, Traumann, foi demitido por admitir publicamente que o desgoverno Dilma, a exemplo do seu antecessor $talinácio Lula, usam a guerrilha virtual - continuassem a nos incomodar, decidimos suspender, temporariamente, a veiculação de POSTs no Blog Prontidão, passando a veicular no Blog PRONTIDÃO TOTAL, usando outra URL.

Claro que alguns leitores não acessaram o Blog Prontidão Total - o que atribuímos a alguma falta de comunicação da nossa parte - porém, de tudo concluímos que podemos e VAMOS PERMANECER firmes e fortes, protegidos da sanha 'assassina' dos guerrilheiros virtuais do desgoverno, contando a verdade, tudo o que soubermos e o nosso amadorismo permitir, do muito de ruim, de nocivo, de pernicioso, que o atual desgoverno pratica, estimula, esconde e apoia.

Voltar ao Blog PRONTIDÃO seria pretender que nossos poucos leitores ficassem pulando de galho em galho - a manutenção da nossa 'linha editorial', que vem desde 2007, é eloquente e fiel aos fatos ao provar que nossos ideais permanecem firmes, estamos apenas mais fortes.

Vamos continuar com a denominação Blog PRONTIDÃO TOTAL, na URL que atualmente atende àquele Blog, mantendo nossa postura de apresentar sempre a VERDADE - verdade que representa os fatos (aliás, não podemos esquecer, verdade e fato são unos)e não a verdade conveniente (tática usada pela esquerda petralha).

Felizmente, temos dois leitores, afinal, escrevemos e vamos continuar escrevendo para dois leitores: "Ninguém" e "Todo Mundo".

Por favor, nos honre com sua visita, clicando aqui: Blog Prontidão Total ou em qualquer link disponível, em azul, neste texto

ou colando em seu navegador: http://brasil-ameoudeixe.blogspot.com.br/

ou Blog Prontidão Total

BRASIL! ACIMA DE TUDO

IMPOSTÔMETRO

Ad Sense

domingo, 6 de abril de 2014

Secretário Beltrame: PACIFICAR SEM PRENDER, NÃO FUNCIONA e NUNCA VAI FUNCIONAR

Ocupar o território

No princípio parecia fácil e veio a euforia. Bastava anunciar a retomada do território, entrar e hastear uma bandeira que as fortalezas do tráfico estariam dominadas. Depois, vieram as decepções com os casos de violência policial, o ataque às UPPs. Agora, nova e difícil frente foi aberta na Maré: 130 mil pessoas passaram a integrar a cidade e exigem os serviços que nunca tiveram.

Como no Alemão, as Forças Armadas foram chamadas a ajudar na tarefa de consolidação da ocupação do Complexo da Maré. São 12 favelas, com população maior do que a do Alemão e da Penha somadas, e lá há uma dificuldade a mais: existem duas facções criminosas rivais e uma milícia.

O secretário José Mariano Beltrame, com quem conversei na Globonews, deixou claro que a lógica da política de Polícias Pacificadoras é territorial e há um longo caminho pela frente. — A euforia tomou conta das pessoas no início, mas eu disse sempre que a luta não estava ganha; não está ganha. A lógica é territorial. A droga não vai acabar, o crime não vai acabar. O que tem que acabar é o império. Nessas áreas, um imperador exercia o poder executivo, legislativo e judiciário. Eram o Menor P, o Nem, O Fabiano Atanásio. Pessoas tinham que pagar pedágio ao imperador para ter os serviços de luz, água e o direito de ir e vir. Isso é que a UPP enfrenta. A partir daí, o Estado tem que entrar e, na minha visão, não entrou com a força que deveria ter entrado — disse o secretário de Segurança do Rio.

Ao todo, já foram instaladas 37 UPPs , em 253 favelas, beneficiando direta e indiretamente dois milhões de pessoas, entre moradores das áreas e do entorno. — Nunca foi, nem será fácil, porque havia além do tráfico todo o tipo de negócio que vivia à sombra do tráfico, como os fornecedores de serviços que o Estado e as empresas não podiam suprir. Eu sempre soube que eles não iriam entregar fácil — disse Beltrame.

Ele lembra, no entanto, que apesar dos ataques às UPPs, nenhuma área foi retomada pelo tráfico: E nem será, porque quando eles entrarem, voltamos lá com 500, 600 homens e tomamos de novo. Eles não terão mais o poder que já tiveram. Beltrame também falou dos casos de violência policial, como a que matou o pedreiro Amarildo ou a auxiliar de serviços gerais Cláudia Ferreira: — É inaceitável. Triste e difícil. Mas, no caso Amarildo, a Polícia trabalhou lá investigando e foram presos 20 pessoas, inclusive policiais. Foi dada uma resposta com a retirada desses policiais da Corporação. É ruim quando a polícia vai com uma proposta de pacificação e faz o contrário. Mas durante 30 anos a polícia era jogada na favela como numa zona de guerra. Agora, estamos tirando os fuzis da mão dos policiais. Há resistência, ele se sente nu sem a arma. Mas para que fuzil numa área pacificada? [uma providência que urge é as autoridades policiais e judiciárias aceitarem que não é possível uma ação policial em uma favela dominada pelo tráfico sem mortes - os 'efeitos colaterais' sempre vão existir.
Precisa também acabar com a mentalidade que o morador está sempre certo e a polícia errada - é preciso aceitar que tem morador favorável ao tráfico, tem morador que os traficantes intimidam, 
O Amarildo não sabem sequer se está morto e já querem demonizar policiais que até agora são apenas acusados - SEM PROVAS, registre-se. E também ainda não restou provado que o Amarildo era um cidadão do BEM, sem envolvimento com o tráfico - precisa ser considerada a possibilidade de que o tráfico o matou para ferrar os policiais militares.
O caso Cláudia, foi lamentável, mas está entre os que podem ser classificados como 'efeito colateral'. Está provado que Cláudia fosse atendida no local com todos os recursos médicos, transportada de helicóptero ou levada no banco traseiro da viatura não seria salva.
Não tem sentido é em nome do maldito 'politicamente correto' tentarem punir policiais por uma falha operacional no transporte ao hospital de uma pessoa agonizante - pulmão e coração transfixado por tiro de fuzil.]


Perguntei se os jovens que entram cheio de entusiasmo e ideal para renovar a polícia não estão sendo pouco treinados. Há casos de jovens policiais mortos em áreas que têm UPPs. Ele disse que a própria arquitetura das favelas torna tudo mais difícil: — Há becos sem luz, e quando há uma situação de crime o policial tem que entrar. Alguns foram mortos covardemente.

Os índices de homicídio doloso estavam estacionados em torno de 45 por 100 mil habitantes e caíram para 26,5, em 2012. Mas, em 2013, aumentou em 9,7% na cidade e 16,7% no estado. Beltrame contou que há uma estratégia para enfrentar esse retrocesso nos indicadores, que será posta em prática logo após a Copa. O secretário alertou que a questão de segurança envolve vários outros debates. Semana passada, houve um problema no Pavão provocado por um bandido com seis passagens pela polícia e sete mandados de prisão revogados pela Justiça e outro que estava preso e saiu com indulto de Natal. Além de reforma penal e outros debates, ele acha essencial haver alternativas para a juventude: — Neste momento, legiões de jovens estão soltas, sem rumo em áreas ocupadas por facções. No Rio, as facções criminosas são subnações. Jovens se jogam para a morte em nome delas, mesmo sem saber o que são. No dia da ocupação da Maré, de repente 30 rapazes começaram a se jogar pedra.

 Fonte: Blog da Míriam Leitão

Nenhum comentário:

Pesquisa personalizada