Visitantes desde 1º junho 2013

Free counters!

Blog Prontidão Total

Blog Prontidão Total

Este espaço é primeiramente dedicado a DEUS, a PÁTRIA, a FAMÍLIA e a LIBERDADE.

Vamos contar VERDADES e impedir que a esquerda, pela repetição exaustiva de uma mentira, transforme mentiras em VERDADES.

Escrevemos para dois leitores: “Ninguém” e “Todo Mundo” * BRASIL Acima de todos! DEUS Acima de tudo!

NOS VISITE!!! ENTRAR!!! CONTINUAR>>>


COMUNICADO - Novo Site

Nota de Esclarecimento

Importante:

Memória: em 8 setembro 2007, começamos as atividades deste Blog, sob o título Blog da UNR e nossos objetivos estão bem destacados no nosso primeiro post, título 'início das atividades...' .

De imediato, constatamos que estando a esquerda no governo, uma dificuldade se apresentava: contar os erros, as traições, as covardias, os assassinatos, as falcatruas cometidos pela esquerda durante o Governo Militar OU contar os crimes que a esquerda, a petralhada à frente, continua cometendo nos dias atuais? (apesar de fragorosamente derrotada pelos militares a esquerda aproveitou-se da generosidade dos vencedores e voltou tal qual serpente e conseguiu PERDER A GUERRA e vencer a Batalha da Comunicação, passando de vilão a heroína).

A famigerada esquerda conseguiu o poder - agindo disfarçada de democrata - e passou a mostrar, de forma descarada, ser pior que antes.

Diversos motivos, que não vem ao caso aqui detalhar, tornaram conveniente alterar o nome do Blog da UNR, que passou a denominação de BLOG PRONTIDÃO, mantendo a URL.

Apesar de ser um Blog pequeno, fruto de um trabalho amadorístico, porém de muita dedicação, contando com poucos seguidores, alguns visitantes fiéis, outros eventuais, tivemos a imensa alegria de constatar que incomodávamos a petralhada - o que foi fácil perceber pela necessidade de 'moderar comentários', pelos xingamentos que recebemos a cada postagem, tentativas de invasão (parcialmente exitosas, com modificações de postagens {o mais odioso foram as vezes que conseguiram mudar palavras, trechos de postagens, títulos, e passar a idéia que defendíamos o desgoverno petralha}).

Para tornar mais dificil que os guerrilheiros da informática à serviço do desgoverno - o ministro da Secom, Traumann, foi demitido por admitir publicamente que o desgoverno Dilma, a exemplo do seu antecessor $talinácio Lula, usam a guerrilha virtual - continuassem a nos incomodar, decidimos suspender, temporariamente, a veiculação de POSTs no Blog Prontidão, passando a veicular no Blog PRONTIDÃO TOTAL, usando outra URL.

Claro que alguns leitores não acessaram o Blog Prontidão Total - o que atribuímos a alguma falta de comunicação da nossa parte - porém, de tudo concluímos que podemos e VAMOS PERMANECER firmes e fortes, protegidos da sanha 'assassina' dos guerrilheiros virtuais do desgoverno, contando a verdade, tudo o que soubermos e o nosso amadorismo permitir, do muito de ruim, de nocivo, de pernicioso, que o atual desgoverno pratica, estimula, esconde e apoia.

Voltar ao Blog PRONTIDÃO seria pretender que nossos poucos leitores ficassem pulando de galho em galho - a manutenção da nossa 'linha editorial', que vem desde 2007, é eloquente e fiel aos fatos ao provar que nossos ideais permanecem firmes, estamos apenas mais fortes.

Vamos continuar com a denominação Blog PRONTIDÃO TOTAL, na URL que atualmente atende àquele Blog, mantendo nossa postura de apresentar sempre a VERDADE - verdade que representa os fatos (aliás, não podemos esquecer, verdade e fato são unos)e não a verdade conveniente (tática usada pela esquerda petralha).

Felizmente, temos dois leitores, afinal, escrevemos e vamos continuar escrevendo para dois leitores: "Ninguém" e "Todo Mundo".

Por favor, nos honre com sua visita, clicando aqui: Blog Prontidão Total ou em qualquer link disponível, em azul, neste texto

ou colando em seu navegador: http://brasil-ameoudeixe.blogspot.com.br/

ou Blog Prontidão Total

BRASIL! ACIMA DE TUDO

IMPOSTÔMETRO

Ad Sense

segunda-feira, 19 de maio de 2014

Caso Galdino: Justiça autoriza agressor a frequentar curso de formação na Polícia Civil

Agressor de índio Galdino integra curso de formação da Polícia Civil  
Reprovado na fase de análise de vida pregressa e investigação social, o jovem, que era menor de idade à época do crime, conseguiu na Justiça a autorização para seguir no processo - esta é a última etapa de seleção
O curso da Polícia Civil do Distrito Federal para a formação dos novos integrantes da corporação começa hoje de manhã. Representantes da PCDF, da Polícia Militar e da Secretaria de Segurança anunciaram ontem detalhes da preparação dos novos agentes e escrivães, que vão complementar o quadro da corporação. Entre os aprovados que serão treinados está G.N.A.J., um dos envolvidos na morte do índio Galdino, em 1997. Depois de ser reprovado na fase de análise de vida pregressa e investigação social, ele conseguiu na Justiça a autorização para seguir no processo. O curso é a última etapa antes que os novos policiais tomem posse. [defendemos a maioridade penal a partir dos 14 anos - com a abundância de informações que menores de 15 anos recebem, todos tem condições de discernir o que é certo e errado.
Mas, enquanto isso não ocorre não é aceitável que fique nas mãos de alguns delegados, integrantes do Conselho Superior de Polícia, o poder de adaptar à legislação vigente ao 'politicamente correto'.
Já basta o Supremo ter interpretado o parágrafo 3º, art. 226 da Constituição Federal de forma diversa da permitida pelo que o Constituinte escreveu e com isso permitido a aberração do 'casamento gay'.
Agora permitir também que a polícia leia um dispositivo legal da forma que agrade aos adeptos do maldito 'politicamente correto' é demais.
G.N.A.J tem direito - diante da legislação vigente na época em que cometeu o crime - a ter aquele ato (que, absurdamente a lei chama de ato infracional) esquecido.
Será policial e creio que o assunto deve ser encerrado - inclusive para preservar a identidade do mesmo, diante do fato de que qualquer consulta aos diversos editais disponíveis no site do CESPE/UnB, permite facilmente identificar o Gutemberg ... .]

G.N.A.J. passou nas primeiras etapas do concurso, iniciado no ano passado. Ele foi considerado apto a ingressar na corporação depois de passar pelas provas objetivas, discursivas, de capacidade física e por exames biométricos e psicológicos. Mas, na última lista divulgada pelo Centro de Seleção e de Promoção de Eventos (Cespe), o nome de G. não aparecia mais entre os aprovados. Hoje com 34 anos, ele foi excluído depois da avaliação do passado e da vida social.

Depois da decisão, a defesa de G. recorreu à Justiça. A comissão levou em conta o assassinato do índio para a análise e classificou o caso como “de alta reprovabilidade”. [a competência para legislar sobre matéria penal que é exclusiva da União, foi usurpada por uma 'comissão' meramente administrativa.] Na época do assassinato, G. tinha 17 anos. Era o único adolescente entre os cinco envolvidos no crime. Cumpriu medida socioeducativa e, hoje, legalmente, não há qualquer impedimento para que assuma o concurso. Com essas justificativas, o juiz Carlos Fernando Fecchio dos Santos deferiu o mandado de segurança, autorizando G. a participar do curso de formação. “As medidas socioeducativas não podem ser utilizadas como sucedâneo de punição eterna”, descreveu o magistrado na decisão, em 5 de maio.

O posicionamento do juiz não garante a nomeação de G. na Polícia Civil do DF. Até que o mérito seja definitivamente julgado, ele tem garantido o direito de participar do curso, assim como todos os outros aprovados no certame. “Ele tem o direito de escolher a carreira dele e ele escolheu ser policial. Sendo aprovado, ele vai buscar a nomeação”, detalhou o advogado de G., Ibaneis Rocha. A Polícia Civil informou que não vai se pronunciar sobre o caso. 


Ler mais... clique

Fonte: R 7   

Nenhum comentário:

Pesquisa personalizada