Visitantes desde 1º junho 2013

Free counters!

Blog Prontidão Total

Blog Prontidão Total

Este espaço é primeiramente dedicado a DEUS, a PÁTRIA, a FAMÍLIA e a LIBERDADE.

Vamos contar VERDADES e impedir que a esquerda, pela repetição exaustiva de uma mentira, transforme mentiras em VERDADES.

Escrevemos para dois leitores: “Ninguém” e “Todo Mundo” * BRASIL Acima de todos! DEUS Acima de tudo!

NOS VISITE!!! ENTRAR!!! CONTINUAR>>>


COMUNICADO - Novo Site

Nota de Esclarecimento

Importante:

Memória: em 8 setembro 2007, começamos as atividades deste Blog, sob o título Blog da UNR e nossos objetivos estão bem destacados no nosso primeiro post, título 'início das atividades...' .

De imediato, constatamos que estando a esquerda no governo, uma dificuldade se apresentava: contar os erros, as traições, as covardias, os assassinatos, as falcatruas cometidos pela esquerda durante o Governo Militar OU contar os crimes que a esquerda, a petralhada à frente, continua cometendo nos dias atuais? (apesar de fragorosamente derrotada pelos militares a esquerda aproveitou-se da generosidade dos vencedores e voltou tal qual serpente e conseguiu PERDER A GUERRA e vencer a Batalha da Comunicação, passando de vilão a heroína).

A famigerada esquerda conseguiu o poder - agindo disfarçada de democrata - e passou a mostrar, de forma descarada, ser pior que antes.

Diversos motivos, que não vem ao caso aqui detalhar, tornaram conveniente alterar o nome do Blog da UNR, que passou a denominação de BLOG PRONTIDÃO, mantendo a URL.

Apesar de ser um Blog pequeno, fruto de um trabalho amadorístico, porém de muita dedicação, contando com poucos seguidores, alguns visitantes fiéis, outros eventuais, tivemos a imensa alegria de constatar que incomodávamos a petralhada - o que foi fácil perceber pela necessidade de 'moderar comentários', pelos xingamentos que recebemos a cada postagem, tentativas de invasão (parcialmente exitosas, com modificações de postagens {o mais odioso foram as vezes que conseguiram mudar palavras, trechos de postagens, títulos, e passar a idéia que defendíamos o desgoverno petralha}).

Para tornar mais dificil que os guerrilheiros da informática à serviço do desgoverno - o ministro da Secom, Traumann, foi demitido por admitir publicamente que o desgoverno Dilma, a exemplo do seu antecessor $talinácio Lula, usam a guerrilha virtual - continuassem a nos incomodar, decidimos suspender, temporariamente, a veiculação de POSTs no Blog Prontidão, passando a veicular no Blog PRONTIDÃO TOTAL, usando outra URL.

Claro que alguns leitores não acessaram o Blog Prontidão Total - o que atribuímos a alguma falta de comunicação da nossa parte - porém, de tudo concluímos que podemos e VAMOS PERMANECER firmes e fortes, protegidos da sanha 'assassina' dos guerrilheiros virtuais do desgoverno, contando a verdade, tudo o que soubermos e o nosso amadorismo permitir, do muito de ruim, de nocivo, de pernicioso, que o atual desgoverno pratica, estimula, esconde e apoia.

Voltar ao Blog PRONTIDÃO seria pretender que nossos poucos leitores ficassem pulando de galho em galho - a manutenção da nossa 'linha editorial', que vem desde 2007, é eloquente e fiel aos fatos ao provar que nossos ideais permanecem firmes, estamos apenas mais fortes.

Vamos continuar com a denominação Blog PRONTIDÃO TOTAL, na URL que atualmente atende àquele Blog, mantendo nossa postura de apresentar sempre a VERDADE - verdade que representa os fatos (aliás, não podemos esquecer, verdade e fato são unos)e não a verdade conveniente (tática usada pela esquerda petralha).

Felizmente, temos dois leitores, afinal, escrevemos e vamos continuar escrevendo para dois leitores: "Ninguém" e "Todo Mundo".

Por favor, nos honre com sua visita, clicando aqui: Blog Prontidão Total ou em qualquer link disponível, em azul, neste texto

ou colando em seu navegador: http://brasil-ameoudeixe.blogspot.com.br/

ou Blog Prontidão Total

BRASIL! ACIMA DE TUDO

IMPOSTÔMETRO

Ad Sense

segunda-feira, 5 de maio de 2014

Gays estão se f... com queda de participantes na parada gay; pior, é que este é um tipo de f ... que eles não gostam. Dinheiro público continua sendo jogado no esgoto apoiando uma desmoralização dessas.

Gays estão se f... com queda de participantes na parada gay; pior, é que este é um tipo de f ... que eles não gostam. Dinheiro público continua sendo jogado no esgoto apoiando uma  desmoralização dessas.

Parada Gay de São Paulo mistura festa e demanda contra homofobia
Com 100 mil pessoas, segundo a PM, público do evento foi menor do que nos anos anteriores; organização culpa mudança na data

A Parada Gay de São Paulo misturou, neste domingo, 4, em sua 18.ª edição, a mistura da crescente responsabilidade política, com cobranças pela criminalização da homofobia, e as raízes de festa, marcada por fantasias e performances artísticas. Segundo a Polícia Militar, cerca de 100 mil pessoas foram à Avenida Paulista. Já os organizadores estimam entre 3 e 4 milhões.

Na manhã de domingo, nas cerimônias que antecederam a festa, o presidente da Associação da Parada do Orgulho GLBT, Fernando Quaresma, reivindicou a inclusão da criminalização da homofobia no projeto de reforma do Código Penal, em tramitação no Congresso Nacional. Outro pedido de Quaresma foi a aprovação da Lei de Identidade de Gêneros, que facilita a cirurgia de troca de sexo e a mudança de registro civil para transexuais. 

O governador Geraldo Alckmin (PSDB) ainda anunciou neste domingo que o Casarão Franco de Mello, no número 1.919 da Avenida Paulista, abrigará o Museu da Diversidade, hoje em um espaço expositivo na Estação República do Metrô. "Ela (a mansão na Paulista) vai ser todinha restaurada." Alckmin não deu, entretanto, prazo para a abertura do imóvel, que nem sequer foi desapropriado pelo governo do Estado. O prefeito Fernando Haddad (PT) e a ministra Ideli Salvatti, da Secretaria de Direitos Humanos, também participaram do evento.
Mobilização. No começo da tarde na Paulista, foi retomado o discurso contra o preconceito e a agenda de reivindicações. "Vamos cobrar e aplaudir os políticos que nos defendem. 

Devemos lutar pela igualdade de direitos", incentivaram os mobilizadores, de cima de um dos 14 trios elétricos. Em ano eleitoral, representantes de partidos políticos aproveitaram a festa para distribuir santinhos de apoio à causa LGBT. [é oportuno esses representantes de partidos políticos lembrarem  que próximo as eleições os partidos que apoiaram a ‘bicharada’  terão seus nomes divulgados.] Um boneco inflável do deputado Marco Feliciano (PSC-SP), que presidiu em 2013 a Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara sob críticas de movimentos sociais, foi visto entre a multidão. 

A impressão era de que o público recuou em relação aos últimos anos. "Antecipamos em um mês por causa da Copa do Mundo e estávamos incertos em relação ao público", disse Marcos Freire, um dos diretores do evento. "Mas não temos essa preocupação numérica. O importante é que as pessoas estejam na rua."  "Estava bem mais cheio nos anos anteriores", reconheceu o garçom Marcos Queiroz, de 32 anos, que foi à festa na Paulista pela oitava vez. Segundo ele, os protestos políticos são importantes para pressionar os governantes, embora as conquistas de direitos sejam muito lentas. 

Diversão. A drag queen Bárbara Moon, de 22 anos, acredita que a militância fica para os organizadores da parada e participantes mais antigos. "Há momentos políticos, que são importantes, mas a maioria se esquece disso na festa. Venho para me divertir", admitiu ela, com vestido e maquiagens extravagantes. 

Quem nunca havia assistido ao evento se impressionou com a irreverência e a organização. "Viemos por curiosidade e não sofremos nenhum assédio", contou a médica Ana Carolina Figueiredo, de 26 anos, que levou o namorado. "Ele não queria vir, mas depois percebeu que não tinha problema." [o cara que vai a uma nojeira desse tipo é com certeza gay enrustido. Não se inclui nessa categoria nojenta os que vão para marcar presença combatendo a bicharada.]

Mesmo sem falar o idioma da maioria, o escocês Neil Christensen, de 37 anos, curtiu a festa. "Viajei só pela parada e é muito animado. Gostaria de vir outra vez", disse ele, acompanhado de amigos brasileiros e estrangeiros. No fim do dia, participantes se concentraram na Praça da República para os shows de encerramento. [isso com certeza é um gay e busca informações na parada para contaminar os seus ‘colegas’ de bichice da Escócia.]

A principal atração foi a cantora Wanessa Camargo, em sua primeira participação na festa. "Fico feliz de estar aqui como brasileira que acredita em um país mais justo pra todo mundo. Já avançamos muito graças as pessoas que organizam isso aqui, mas é preciso lembrar que ainda falta muito pra chegar aonde a gente quer", disse. 

Bafafá. No final da festa, organizadores reclamaram da estrutura organizada pela Prefeitura. "Não conseguimos nem acompanhar o show da Wanessa porque os seguranças nos impediram de entrar na área na frente do palco", disse Fernando Quaresma, presidente da Associação da Parada do Orgulho LGBT. "Faltavam várias coisas, como telão. Os seguranças eram despreparados, alguns até bêbados. No camarote, de 600 convites, recebemos só 170", afirmou. 

O coordenador de políticas LGBT da Secretaria de Direitos Humanos, Alessandro Melchior, disse que foi feito um acordo sobre as cores de pulseirinhas que seriam liberadas no backstage, mas não foi obedecido. "Muita gente tentou entrar sem pulseira e nossos seguranças estavam barrando. Mas nossos seguranças acabaram sendo constrangidos a liberar muita gente, o que gerou vários problemas na área do palco", disse Melchior. "A Prefeitura paga dois terços desse evento e nem subiu no palco."
Fonte: O Estado de São Paulo

Nenhum comentário:

Pesquisa personalizada