Visitantes desde 1º junho 2013

Free counters!

Blog Prontidão Total

Blog Prontidão Total

Este espaço é primeiramente dedicado a DEUS, a PÁTRIA, a FAMÍLIA e a LIBERDADE.

Vamos contar VERDADES e impedir que a esquerda, pela repetição exaustiva de uma mentira, transforme mentiras em VERDADES.

Escrevemos para dois leitores: “Ninguém” e “Todo Mundo” * BRASIL Acima de todos! DEUS Acima de tudo!

NOS VISITE!!! ENTRAR!!! CONTINUAR>>>


COMUNICADO - Novo Site

Nota de Esclarecimento

Importante:

Memória: em 8 setembro 2007, começamos as atividades deste Blog, sob o título Blog da UNR e nossos objetivos estão bem destacados no nosso primeiro post, título 'início das atividades...' .

De imediato, constatamos que estando a esquerda no governo, uma dificuldade se apresentava: contar os erros, as traições, as covardias, os assassinatos, as falcatruas cometidos pela esquerda durante o Governo Militar OU contar os crimes que a esquerda, a petralhada à frente, continua cometendo nos dias atuais? (apesar de fragorosamente derrotada pelos militares a esquerda aproveitou-se da generosidade dos vencedores e voltou tal qual serpente e conseguiu PERDER A GUERRA e vencer a Batalha da Comunicação, passando de vilão a heroína).

A famigerada esquerda conseguiu o poder - agindo disfarçada de democrata - e passou a mostrar, de forma descarada, ser pior que antes.

Diversos motivos, que não vem ao caso aqui detalhar, tornaram conveniente alterar o nome do Blog da UNR, que passou a denominação de BLOG PRONTIDÃO, mantendo a URL.

Apesar de ser um Blog pequeno, fruto de um trabalho amadorístico, porém de muita dedicação, contando com poucos seguidores, alguns visitantes fiéis, outros eventuais, tivemos a imensa alegria de constatar que incomodávamos a petralhada - o que foi fácil perceber pela necessidade de 'moderar comentários', pelos xingamentos que recebemos a cada postagem, tentativas de invasão (parcialmente exitosas, com modificações de postagens {o mais odioso foram as vezes que conseguiram mudar palavras, trechos de postagens, títulos, e passar a idéia que defendíamos o desgoverno petralha}).

Para tornar mais dificil que os guerrilheiros da informática à serviço do desgoverno - o ministro da Secom, Traumann, foi demitido por admitir publicamente que o desgoverno Dilma, a exemplo do seu antecessor $talinácio Lula, usam a guerrilha virtual - continuassem a nos incomodar, decidimos suspender, temporariamente, a veiculação de POSTs no Blog Prontidão, passando a veicular no Blog PRONTIDÃO TOTAL, usando outra URL.

Claro que alguns leitores não acessaram o Blog Prontidão Total - o que atribuímos a alguma falta de comunicação da nossa parte - porém, de tudo concluímos que podemos e VAMOS PERMANECER firmes e fortes, protegidos da sanha 'assassina' dos guerrilheiros virtuais do desgoverno, contando a verdade, tudo o que soubermos e o nosso amadorismo permitir, do muito de ruim, de nocivo, de pernicioso, que o atual desgoverno pratica, estimula, esconde e apoia.

Voltar ao Blog PRONTIDÃO seria pretender que nossos poucos leitores ficassem pulando de galho em galho - a manutenção da nossa 'linha editorial', que vem desde 2007, é eloquente e fiel aos fatos ao provar que nossos ideais permanecem firmes, estamos apenas mais fortes.

Vamos continuar com a denominação Blog PRONTIDÃO TOTAL, na URL que atualmente atende àquele Blog, mantendo nossa postura de apresentar sempre a VERDADE - verdade que representa os fatos (aliás, não podemos esquecer, verdade e fato são unos)e não a verdade conveniente (tática usada pela esquerda petralha).

Felizmente, temos dois leitores, afinal, escrevemos e vamos continuar escrevendo para dois leitores: "Ninguém" e "Todo Mundo".

Por favor, nos honre com sua visita, clicando aqui: Blog Prontidão Total ou em qualquer link disponível, em azul, neste texto

ou colando em seu navegador: http://brasil-ameoudeixe.blogspot.com.br/

ou Blog Prontidão Total

BRASIL! ACIMA DE TUDO

IMPOSTÔMETRO

Ad Sense

quinta-feira, 15 de maio de 2014

Riocentro: Newton Cruz contesta nova denúncia sobre atentado, alegando que MP confronta decisão do STF



36 anos de prisão para o ‘crime’ de recusa a informar dois nomes de militares – é muita pena para pouca ‘transição’
Um dos seis denunciados à Justiça por participação no atentado do Riocentro, em 1981, o general reformado Newton Cruz afirmou, em carta ao GLOBO, que o Ministério Público Federal (MPF) se opõe ao Supremo Tribunal Federal (STF) quando tenta reabrir o caso e incriminá-lo. Isso porque a Corte já suspendeu um processo contra ele, assim como fizera o Superior Tribunal Militar (STM). 

Os procuradores pediram pena mínima de 36 anos e seis meses de prisão para Cruz, chefe da agência central do Serviço Nacional de Informações (SNI) à época. Na denúncia enviada há duas semanas, o MPF acusa o general reformado de ter sabido do atentado com antecedência de pelo menos uma hora e não ter agido para contê-lo. [que atentado? Até agora, excetuando as absurdas teses do tal ‘grupo de justiça de transição’ não existe nenhuma prova de que houve um atentado no Riocentro em 30 de abril de 1981.]

O MPF também afirma que Cruz se recusou a revelar os nomes de dois militares com os quais se encontrou logo depois do ataque. Em depoimento, o general reformado disse que avisou aos dois que, se houvesse novos ataques, iria investigá-los. "O Ministério Público Federal está frontalmente se opondo ao Supremo Tribunal Federal, sem qualquer fato novo que comigo se relacione, chegando ao cúmulo de transformar a minha negativa em declinar a identidade de dois militares com quem me encontrei, em objeto de serviço, considerada pelo STF até como exigência legalmente imposta, além de os procuradores, indo mais longe, oferecerem a delação premiada a quem os identifique", afirmou ele na carta.

Em março de 2000, o STM abriu um processo sobre o caso do Riocentro em que Cruz figurava como denunciado por falso testemunho. No mesmo mês, a defesa dele entrou com um habeas corpus no Supremo para encerrar o processo penal no STM por falta de crime, pedido a suspensão do interrogatório de Cruz.

O ministro Marco Aurélio Mello concedeu a liminar em abril de 2000. Em maio daquele ano, o STM confirmou o arquivamento do inquérito. Por isso, em março de 2001, o STF arquivou o habeas corpus por perda de objeto, uma vez que a acusação contra Cruz já havia sido arquivada pelo tribunal militar.

Nenhum comentário:

Pesquisa personalizada