Visitantes desde 1º junho 2013

Free counters!

Blog Prontidão Total

Blog Prontidão Total

Este espaço é primeiramente dedicado a DEUS, a PÁTRIA, a FAMÍLIA e a LIBERDADE.

Vamos contar VERDADES e impedir que a esquerda, pela repetição exaustiva de uma mentira, transforme mentiras em VERDADES.

Escrevemos para dois leitores: “Ninguém” e “Todo Mundo” * BRASIL Acima de todos! DEUS Acima de tudo!

NOS VISITE!!! ENTRAR!!! CONTINUAR>>>


COMUNICADO - Novo Site

Nota de Esclarecimento

Importante:

Memória: em 8 setembro 2007, começamos as atividades deste Blog, sob o título Blog da UNR e nossos objetivos estão bem destacados no nosso primeiro post, título 'início das atividades...' .

De imediato, constatamos que estando a esquerda no governo, uma dificuldade se apresentava: contar os erros, as traições, as covardias, os assassinatos, as falcatruas cometidos pela esquerda durante o Governo Militar OU contar os crimes que a esquerda, a petralhada à frente, continua cometendo nos dias atuais? (apesar de fragorosamente derrotada pelos militares a esquerda aproveitou-se da generosidade dos vencedores e voltou tal qual serpente e conseguiu PERDER A GUERRA e vencer a Batalha da Comunicação, passando de vilão a heroína).

A famigerada esquerda conseguiu o poder - agindo disfarçada de democrata - e passou a mostrar, de forma descarada, ser pior que antes.

Diversos motivos, que não vem ao caso aqui detalhar, tornaram conveniente alterar o nome do Blog da UNR, que passou a denominação de BLOG PRONTIDÃO, mantendo a URL.

Apesar de ser um Blog pequeno, fruto de um trabalho amadorístico, porém de muita dedicação, contando com poucos seguidores, alguns visitantes fiéis, outros eventuais, tivemos a imensa alegria de constatar que incomodávamos a petralhada - o que foi fácil perceber pela necessidade de 'moderar comentários', pelos xingamentos que recebemos a cada postagem, tentativas de invasão (parcialmente exitosas, com modificações de postagens {o mais odioso foram as vezes que conseguiram mudar palavras, trechos de postagens, títulos, e passar a idéia que defendíamos o desgoverno petralha}).

Para tornar mais dificil que os guerrilheiros da informática à serviço do desgoverno - o ministro da Secom, Traumann, foi demitido por admitir publicamente que o desgoverno Dilma, a exemplo do seu antecessor $talinácio Lula, usam a guerrilha virtual - continuassem a nos incomodar, decidimos suspender, temporariamente, a veiculação de POSTs no Blog Prontidão, passando a veicular no Blog PRONTIDÃO TOTAL, usando outra URL.

Claro que alguns leitores não acessaram o Blog Prontidão Total - o que atribuímos a alguma falta de comunicação da nossa parte - porém, de tudo concluímos que podemos e VAMOS PERMANECER firmes e fortes, protegidos da sanha 'assassina' dos guerrilheiros virtuais do desgoverno, contando a verdade, tudo o que soubermos e o nosso amadorismo permitir, do muito de ruim, de nocivo, de pernicioso, que o atual desgoverno pratica, estimula, esconde e apoia.

Voltar ao Blog PRONTIDÃO seria pretender que nossos poucos leitores ficassem pulando de galho em galho - a manutenção da nossa 'linha editorial', que vem desde 2007, é eloquente e fiel aos fatos ao provar que nossos ideais permanecem firmes, estamos apenas mais fortes.

Vamos continuar com a denominação Blog PRONTIDÃO TOTAL, na URL que atualmente atende àquele Blog, mantendo nossa postura de apresentar sempre a VERDADE - verdade que representa os fatos (aliás, não podemos esquecer, verdade e fato são unos)e não a verdade conveniente (tática usada pela esquerda petralha).

Felizmente, temos dois leitores, afinal, escrevemos e vamos continuar escrevendo para dois leitores: "Ninguém" e "Todo Mundo".

Por favor, nos honre com sua visita, clicando aqui: Blog Prontidão Total ou em qualquer link disponível, em azul, neste texto

ou colando em seu navegador: http://brasil-ameoudeixe.blogspot.com.br/

ou Blog Prontidão Total

BRASIL! ACIMA DE TUDO

IMPOSTÔMETRO

Ad Sense

segunda-feira, 21 de julho de 2014

Disparo atinge hospital de Gaza e deixa cinco mortos


Israel bombardeia hospital palestino e deixa cinco mortos

Escalada da violência na região levou a ONU a convocar reunião e pedir cessar-fogo imediato; número de mortos passa de 500
Hospitais de Gaza sofrem com lotação e falta de suprimentos
Em mais um dia da operação terrestre israelense na Faixa de Gaza, cenas caóticas se repetiram em hospitais sobrecarregados, onde suprimentos médicos já estão esgotados e os funcionários exaustos depois de 13 dias de intenso bombardeio aéreo agora intensificado por batalhas em solo. Os palestinos lutam para lidar com uma guerra que já matou mais de 400 palestinos e feriu mais de 2.400. 

Mesmo em tempos normais, os hospitais de Gaza sofrem com a infraestrutura, e a chegada de mais pacientes com a intensificação dos ataques só agravou a situação. O hospital Kamal Adwan, por exemplo, tem apenas duas camas com ventiladores e equipamentos de monitoramento e não conseguiu receber pacientes gravemente feridos, que foram transferidos para outro estabelecimento.

No sábado, Israel abriu a passagem de Erez para permitir a entrega de cinco toneladas de suprimentos médicos, segundo o jornal israelense “Haaretz”. No entanto, ninguém sabe ao certo quanto tempo a guerra vai durar, e os administradores hospitalares se preocupam com a falta de abastecimento. 

O médico Said Salah, o diretor de emergências no Norte de Gaza, afirmou que até o meio-dia deste domingo, os três hospitais locais haviam recebido 40 pacientes em quatro horas. — Muitos estão com lesões graves, e o número de mortos vai aumentar disse Salah.

Um bombardeio atingiu a casa da família Abu Jarad, perto de Beit Hanoun. Oito membros da família foram mortos, incluindo os pais e seus dois únicos filhos, de acordo com Hanoud Abu Jarad, de 28 anos, uma familiar que testemunhou o ataque. — Onde eu devo ir? — perguntou Hanoud, sentada no Hospital Shifa, ao lado de sua filha de 6 anos, ferida por estilhaços. — Eles estavam atingido pessoas nas ruas — acrescentou a mulher.

A palestina havia levado seus sete filhos para um apartamento em Beit Lahiya, após três crianças das casas vizinhas serem mortas em um ataque. Mas o local não era mais seguro que o anterior. Na sexta-feira à noite, uma bomba atingiu a casa dela e duas irmãs de seu marido mortas, uma de 31 e outra de 15 anos. Dois de seus filhos ficaram feridos no bombardeio. — Contei meus filhos e descobri que dois estavam faltando — disse a mãe, acrescentando que correu de volta e os encontrou sob os escombros.

No sábado, enquanto os parentes de Hanoud eram enterrados — incluindo uma criança e um bebê granadas de artilharia israelense e foguetes do Hamas foram lançados nas proximidades, ela lamentava por estar no hospital e não conseguir participar da cerimônia fúnebre.

Fonte: Reuters

Nenhum comentário:

Pesquisa personalizada