Visitantes desde 1º junho 2013

Free counters!

Blog Prontidão Total

Blog Prontidão Total

Este espaço é primeiramente dedicado a DEUS, a PÁTRIA, a FAMÍLIA e a LIBERDADE.

Vamos contar VERDADES e impedir que a esquerda, pela repetição exaustiva de uma mentira, transforme mentiras em VERDADES.

Escrevemos para dois leitores: “Ninguém” e “Todo Mundo” * BRASIL Acima de todos! DEUS Acima de tudo!

NOS VISITE!!! ENTRAR!!! CONTINUAR>>>


COMUNICADO - Novo Site

Nota de Esclarecimento

Importante:

Memória: em 8 setembro 2007, começamos as atividades deste Blog, sob o título Blog da UNR e nossos objetivos estão bem destacados no nosso primeiro post, título 'início das atividades...' .

De imediato, constatamos que estando a esquerda no governo, uma dificuldade se apresentava: contar os erros, as traições, as covardias, os assassinatos, as falcatruas cometidos pela esquerda durante o Governo Militar OU contar os crimes que a esquerda, a petralhada à frente, continua cometendo nos dias atuais? (apesar de fragorosamente derrotada pelos militares a esquerda aproveitou-se da generosidade dos vencedores e voltou tal qual serpente e conseguiu PERDER A GUERRA e vencer a Batalha da Comunicação, passando de vilão a heroína).

A famigerada esquerda conseguiu o poder - agindo disfarçada de democrata - e passou a mostrar, de forma descarada, ser pior que antes.

Diversos motivos, que não vem ao caso aqui detalhar, tornaram conveniente alterar o nome do Blog da UNR, que passou a denominação de BLOG PRONTIDÃO, mantendo a URL.

Apesar de ser um Blog pequeno, fruto de um trabalho amadorístico, porém de muita dedicação, contando com poucos seguidores, alguns visitantes fiéis, outros eventuais, tivemos a imensa alegria de constatar que incomodávamos a petralhada - o que foi fácil perceber pela necessidade de 'moderar comentários', pelos xingamentos que recebemos a cada postagem, tentativas de invasão (parcialmente exitosas, com modificações de postagens {o mais odioso foram as vezes que conseguiram mudar palavras, trechos de postagens, títulos, e passar a idéia que defendíamos o desgoverno petralha}).

Para tornar mais dificil que os guerrilheiros da informática à serviço do desgoverno - o ministro da Secom, Traumann, foi demitido por admitir publicamente que o desgoverno Dilma, a exemplo do seu antecessor $talinácio Lula, usam a guerrilha virtual - continuassem a nos incomodar, decidimos suspender, temporariamente, a veiculação de POSTs no Blog Prontidão, passando a veicular no Blog PRONTIDÃO TOTAL, usando outra URL.

Claro que alguns leitores não acessaram o Blog Prontidão Total - o que atribuímos a alguma falta de comunicação da nossa parte - porém, de tudo concluímos que podemos e VAMOS PERMANECER firmes e fortes, protegidos da sanha 'assassina' dos guerrilheiros virtuais do desgoverno, contando a verdade, tudo o que soubermos e o nosso amadorismo permitir, do muito de ruim, de nocivo, de pernicioso, que o atual desgoverno pratica, estimula, esconde e apoia.

Voltar ao Blog PRONTIDÃO seria pretender que nossos poucos leitores ficassem pulando de galho em galho - a manutenção da nossa 'linha editorial', que vem desde 2007, é eloquente e fiel aos fatos ao provar que nossos ideais permanecem firmes, estamos apenas mais fortes.

Vamos continuar com a denominação Blog PRONTIDÃO TOTAL, na URL que atualmente atende àquele Blog, mantendo nossa postura de apresentar sempre a VERDADE - verdade que representa os fatos (aliás, não podemos esquecer, verdade e fato são unos)e não a verdade conveniente (tática usada pela esquerda petralha).

Felizmente, temos dois leitores, afinal, escrevemos e vamos continuar escrevendo para dois leitores: "Ninguém" e "Todo Mundo".

Por favor, nos honre com sua visita, clicando aqui: Blog Prontidão Total ou em qualquer link disponível, em azul, neste texto

ou colando em seu navegador: http://brasil-ameoudeixe.blogspot.com.br/

ou Blog Prontidão Total

BRASIL! ACIMA DE TUDO

IMPOSTÔMETRO

Ad Sense

sexta-feira, 1 de agosto de 2014

Israel viola trégua de três dias acertada com a ONU - Tanques israelenses abriram fogo e mataram quarenta pessoas

Violada por Israel a trégua de três dias entre Israel e o Hamas

Tanques israelenses abriram fogo e mataram oito pessoas; 
negociadores se reunirão no Cairo para discutir solução 

[só os Estados Unidos podem conter Israel; mas a Obama interessa muito mais manter a superioridade bélica de Israel do que salvar os palestinos - parece que Obama usa Israel para demonstrar a posse de um força que não tem coragem de usar contra a Rússia, a favor da Ucrânia.

É mais cômodo, fácil e lucrativo  assistir o massacre de palestinos do que enfrentar Putin.] 


Tanques israelenses abriram fogo em Gaza e mataram 40 pessoas, enquanto grupo militante islâmico lança foguete                                                                                            Israel acusou o Hamas e outros grupos militantes palestinos de violarem nesta sexta-feira a trégua mediada pelos Estados Unidos e a ONU, enquanto fontes médicas relatavam que disparos israelenses na área de Rafah, na Faixa de Gaza mataram ao menos 40 pessoas e deixaram outras 150 feridas.  

Os incidentes ocorreram cerca de duas horas depois do cessar-fogo humanitário de três dias ter entrado em vigor.“Mais uma vez as organizações terroristas em Gaza violaram o cessar-fogo, pelo qual eles se comprometeram, desta vez ao secretário de Estado dos EUA e ao secretário-geral da ONU”, disse um comunicado do primeiro-ministro Benjamin Netanyahu, sem indicar um incidente específico. Na segunda hora da trégua, dois morteiros caíram em Israel, perto da fronteira, de acordo com o jornal israelense "Haaretz". Além disso, sirenes de ataque aéreo, indicando o lançamento de foguetes a partir de Gaza, soaram em algumas partes do sul do país. [a suposta violação do cessar-fogo pelo Hamas é alegada apenas por Israel - cuja credibilidade no assunto, por razões óbvias, é ZERO; além do mais o comunicado israelense não cita nenhuma ocorrência específica e quando se quer mentir a melhor forma é ser genérico = vago.]

Do lado palestino, correspondentes da agência AFP observaram que o bombardeio contínuo da artilharia israelense em Rafah, no Sul de Gaza, impediu as equipes de resgate de recuperar os mortos e feridos. [o bombardeio israelense é denunciado pela imprensa internacional o que confere autenticidade ao que narra.]

A pausa de 72 horas, que era a tentativa mais ambiciosa até então para acabar com mais de três semanas de luta, começou às 8h da manhã (2h da manhã no horário de Brasília). A trégua foi anunciada em um comunicado conjunto divulgado pelo secretário de Estado dos EUA, John Kerry, e o secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon.


Uma autoridade do gabinete primeiro-ministro Benjamin Netanyahu disse que Israel havia aceitado a proposta feita pelos EUA e pelas Nações Unidas. Um porta-voz do Hamas, o grupo islâmico dominante em Gaza, disse que todas as facções palestinas iriam respeitar a trégua. Numa declaração conjunta, a ONU e os Estados Unidos afirmaram que conseguiram garantias de que ambos os lados concordaram com um cessar-fogo incondicional, quando seriam realizadas as negociações para uma trégua mais duradoura.

O comunicado foi divulgado em Nova Délhi, onde o secretário americano de Estado, John Kerry, se reuniu com membros do governo indiano. De acordo com a declaração, as forças terrestres se permaneceriam na região, indicando assim que não iriam se retirar de Gaza.
“Pedimos a todas as partes que atuem com tranquilidade até o início do cessar-fogo. Essa trégua é vital para que os civis inocentes respirem em meio a tanta violência”, afirmaram Kerry e o secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, na declaração conjunta.

Durante este período, os civis na Faixa de Gaza receberão ajuda humanitária de emergência e terão a oportunidade de realizar funções vitais, como enterrar os mortos, cuidar dos feridos e se reabastecer de alimentos — afirmou Kerry — Os reparos necessários nas infraestruturas de abastecimento de água e energia também poderão ser realizados neste período de trégua. Kerry acrescentou que o ministro das Relações Exteriores do Egito convidará Israel e o Hamas para negociações no Cairo e que os EUA enviarão uma delegação para lá. Mahmoud Abbas, presidente da Autoridade Nacional Palestina (ANP), deverá nomear uma delegação para participar das negociações, mas não estará presente.

Fonte: O Globo 
 

Nenhum comentário:

Pesquisa personalizada