Visitantes desde 1º junho 2013

Free counters!

COMUNICADO - Novo Site

Nota de Esclarecimento

Importante:

Memória: em 8 setembro 2007, começamos as atividades deste Blog, sob o título Blog da UNR e nossos objetivos estão bem destacados no nosso primeiro post, título 'início das atividades...' .

De imediato, constatamos que estando a esquerda no governo, uma dificuldade se apresentava: contar os erros, as traições, as covardias, os assassinatos, as falcatruas cometidos pela esquerda durante o Governo Militar OU contar os crimes que a esquerda, a petralhada à frente, continua cometendo nos dias atuais? (apesar de fragorosamente derrotada pelos militares a esquerda aproveitou-se da generosidade dos vencedores e voltou tal qual serpente e conseguiu PERDER A GUERRA e vencer a Batalha da Comunicação, passando de vilão a heroína).

A famigerada esquerda conseguiu o poder - agindo disfarçada de democrata - e passou a mostrar, de forma descarada, ser pior que antes.

Diversos motivos, que não vem ao caso aqui detalhar, tornaram conveniente alterar o nome do Blog da UNR, que passou a denominação de BLOG PRONTIDÃO, mantendo a URL.

Apesar de ser um Blog pequeno, fruto de um trabalho amadorístico, porém de muita dedicação, contando com poucos seguidores, alguns visitantes fiéis, outros eventuais, tivemos a imensa alegria de constatar que incomodávamos a petralhada - o que foi fácil perceber pela necessidade de 'moderar comentários', pelos xingamentos que recebemos a cada postagem, tentativas de invasão (parcialmente exitosas, com modificações de postagens {o mais odioso foram as vezes que conseguiram mudar palavras, trechos de postagens, títulos, e passar a idéia que defendíamos o desgoverno petralha}).

Para tornar mais dificil que os guerrilheiros da informática à serviço do desgoverno - o ministro da Secom, Traumann, foi demitido por admitir publicamente que o desgoverno Dilma, a exemplo do seu antecessor $talinácio Lula, usam a guerrilha virtual - continuassem a nos incomodar, decidimos suspender, temporariamente, a veiculação de POSTs no Blog Prontidão, passando a veicular no Blog PRONTIDÃO TOTAL, usando outra URL.

Claro que alguns leitores não acessaram o Blog Prontidão Total - o que atribuímos a alguma falta de comunicação da nossa parte - porém, de tudo concluímos que podemos e VAMOS PERMANECER firmes e fortes, protegidos da sanha 'assassina' dos guerrilheiros virtuais do desgoverno, contando a verdade, tudo o que soubermos e o nosso amadorismo permitir, do muito de ruim, de nocivo, de pernicioso, que o atual desgoverno pratica, estimula, esconde e apoia.

Voltar ao Blog PRONTIDÃO seria pretender que nossos poucos leitores ficassem pulando de galho em galho - a manutenção da nossa 'linha editorial', que vem desde 2007, é eloquente e fiel aos fatos ao provar que nossos ideais permanecem firmes, estamos apenas mais fortes.

Vamos continuar com a denominação Blog PRONTIDÃO TOTAL, na URL que atualmente atende àquele Blog, mantendo nossa postura de apresentar sempre a VERDADE - verdade que representa os fatos (aliás, não podemos esquecer, verdade e fato são unos)e não a verdade conveniente (tática usada pela esquerda petralha).

Felizmente, temos dois leitores, afinal, escrevemos e vamos continuar escrevendo para dois leitores: "Ninguém" e "Todo Mundo".

Por favor, nos honre com sua visita, clicando aqui: Blog Prontidão Total ou em qualquer link disponível, em azul, neste texto

ou colando em seu navegador: http://brasil-ameoudeixe.blogspot.com.br/

ou Blog Prontidão Total

BRASIL! ACIMA DE TUDO

IMPOSTÔMETRO

Ad Sense

domingo, 9 de novembro de 2014

Atenção reservistas

A lição de BuzzLightyear aos Generais do Brasil

País sede do Instituto Tavistock de Relações Humanas - instituição especializada em técnicas de lavagem cerebral, guerra psicológica e engenharia social -, a Inglaterra costuma nos brindar com resultados bizarros de pesquisas. Anos atrás, uma delas revelou que 5% dos britânicos alegavam comungar da religião (?) "Jedi" (a seita do Bem da série de ficção científica Star Wars, da Disney, cujo bordão é "que a força esteja com você"...


Semana passada, uma outra inusitada enquete inglesa da Radio Times nos brindou com outro resultado curioso sobre a indústria cultural. A maioria dos pesquisados elegeu aquela que seria a frase mais marcante da História do Cinema. A vencedora, com grandes méritos, foi o bordão do herói intergaláctico da série Toy Story, também da Disney, o poderoso BuzzLightyear: "Ao infinito e além...". No bom inglês: "To infinity... and beyond"...

Se fosse nacional, o herói não poderia fazer tal referência ao País do Pibinho. A economia do Brasil não está crescendo. E, quando tiver chances de crescer novamente, não vai crescer como deveria. Nossos erros conceituais básicos nos inviabilizam e tiram a chance de nos tornarmos uma potência, apesar do grande potencial e das riquezas naturais. O modelo capimunista em vigor, com gastança pública, desperdícios, corrupção sistêmica, precária infraestrutura e, o mais grave de tudo, um sistema de ensino desqualificado, nos coloca na vanguarda do atraso em relação ao resto do mundo.



Nem nas tragédias estamos aprendendo nada. Aqueles 7 a 1 que tomamos da Alemanha não serviu de lição para mudarmos nosso modelo - não apenas do futebol -, mas cultural, civilizatório e educacional. Os alemães continuam investindo em seus centros de formação esportiva que vão muito além da atividade fim. Seu foco não é apenas formar atletas de qualidade, mas sim cidadãos com instrução qualificada em todas as áreas básicas do conhecimento. Por isso, ainda vamos tomar muitas "goleadas" deles em várias áreas.

(. . . ) 

 VÍDEO: Atenção reservistas- A REALIDADE MILITAR

Vídeotexto crítico que faz sucesso entre os militares no Brasil, baseado em artigo do General Paulo Chagas.

Esta elite moral parece tirar férias permanentes em Miami, Las Vegas, Punta del Este ou na paradisíaca PQP. Até os militares, categoria com a formação educacional mais sólida do País, claramente, não têm mais vontade política de indicar rumos. O ideal positivista-tenentista, que por quase um século direcionou os rumos da Nação, parece envergonhado pelo massacre ideológico pós-1964. A culpa é dos próprios Generais que falharam em seu projeto de poder. Atacaram o inimigo errado, e acabaram engolidos pelos agentes ideológicos do verdadeiro inimigo da soberania do Brasil. Azar deles e, maior ainda, infortúnio nosso.



Uma intervenção militar hoje só seria eficaz para melhorar a qualidade da parada de 7 de setembro. A cúpula de Generais sabe perfeitamente disto. Do contrário, diante de tanta corrupção institucional, com a tomada do poder estatal pelo crime organizado, já teriam tomado uma providência em nome do artigo 142 da Constituição Federal. Os militares sabem que uma intervenção não seria bem sucedida na forma de uma tomada institucional de poder reivindicada por muitos setores nas ruas e nas redes sociais. O motivo é simples: Faltam pré-condições psicossociais. A população, induzida pela mídia, entenderia a ação como um golpe. E a "ditadura" já está demonizada na opinião pública - que reagiria contra ela, junto com a bandidagem que aproveitaria a onda de reação.


Sem quarteladas, os militares do Exército, Marinha e da Aeronáutica deveriam cumprir a missão cívica de demonstrar para a sociedade brasileira que suas instituições conseguem praticar um modelo ensino de extrema eficiência, custo compatível e resultados objetivos. Infelizmente, ocorre um movimento em direção e sentido contrários.

O sistema do crime organizado, ideologicamente, trabalha para desmoralizar tudo que venha do mundo militar - inclusive o ensino de altíssima qualidade - associando, na cabeça das pessoas idiotizadas, o papel militar com o "autoritarismo militarista" (arbítrio, abuso de poder, tortura, desrespeito aos direitos humanos e violência).

Novamente, os generais brasileiros da ativa e da reserva devem se comportar como Samurais (como bem prega o General Santa Rosa em suas palestras) - e não como dóceis gueixas que se comportam como meras funcionárias públicas fardadas. Samurai tem coragem, honra e sabedoria para lutar e vencer.  A pacificação e o redesenho federalista da União do Brasil, ambas pela via do aprimoramento educacional (escola + família) são o maior desafio para nossos estrategistas militares. Eles precisam enxergar tal realidade, ou vão continuar permanentemente assombrados pelos ataques assimétricos dos fantasmas do comunismo, em uma guerra irregular na qual sempre estarão em desvantagem.



O Brasil tem de dar um golpe fatal no governo do crime organizado. Oficiais Generais das Forças Armadas brasileiras são tecnicamente preparados para tal missão. Precisam, agora, aprimorar a estratégia política. Em vez de investir em intervenções como as do passado, devem reconquistar o teatro de operações da sociedade servindo como exemplos de resistência e reação imediata ao sistema que tenta - e está quase conseguindo - inviabilizar o Brasil como nação soberana, através da desmoralização gradual da imagem dos militares, linkando-os com a palavra mágica "ditadura".



Os Generais precisam mudar o foco da batalha. Uma sugestão bem prática seria que a turma fardada liderasse uma grande campanha pela educação - inclusive exigindo que a sociedade force o legislativo e o executivo e darem mais verbas para a reprodução do modelo de ensino dos colégios militares. As instituições militares, através de seus comandantes, são hoje as figuras institucionalmente mais indicadas e preparadas para assumir tal responsabilidade social.



Se as Forças Armadas não adotarem tal estratégia de comunicação em defesa intransigente do ensino de qualidade vão terminar como mera guarda nacional para operações de Garantia da Lei e da Ordem no enxugamento de gelo do combate à narcoguerrilha. Eis uma sugestão mais sensata que propor "golpes" e quarteladas (que não têm condições de ocorrer na conjuntura mundial atual), para colocar o Brasil no caminho do infinito e além pela via da Educação...    
(. . .)      



E vamos em frente, ao infinito e além...
Ler a íntegra no Blog Alerta Total - Jorge Serrão


Nenhum comentário:

Pesquisa personalizada